Guias de Viagem e Arte

 
 
jul 09 2016

Como reservar as entradas para o museu mais incrível do mundo + o monumento mais lindo de Roma

Galeria Borghese: tutorial para reservar online

Olá viajantes do meu coração, continuamos descobrindo o que é necessário reservar com antecedência antes de viajar a Roma, dentro da Web Série “il dolce far niente”, que te ajuda a planejar a viagem perfeita para Itália. O vídeo de hoje traz um tutorial de como reservar as entradas para um dos museus mais incríveis do mundo, a Galeria Borghese.

O lance na Galeria Borghese é assim – não reservou, dançou! – assim de cru e fácil 🙁 Por isso este vídeo é de utilidade pública. Ensino o passo a passo para a reserva no site oficial e te explico porque é necessário e obrigatório realizar a reserva a este museu que se encontra no meu TOP 10 mundial.

Veja também o post: Como reservar as entradas para o Coliseu

Para ver a imagem do vídeo mais bonita, assista em HD. Caso a Internet esteja meio lenta, é só clicar no play, depois dar um pause, esperar alguns minutinhos para que o vídeo se carregue, e assim melhorar sua experiência 😉

Chamada video 2

A Fontana de Trevi: não dá para reservar 😉

Este é daqueles monumentos que não tem como reservar lugar.  Para vê-lo solitário e vazio, só mesmo acordando muito cedo ou passando por lá na madrugada. Já estive várias vezes frente a frente com esta brilhante senhora.  Mas todas as vezes são como a primeira, porque é muito louco dar de cara com esta bestialidade escondida entre ruelas.

Federico Fellini, Anita Ekberg e Marcelo Mastroianni formam parte da fonte. Impossível diassociá-la da cena que o casal entra em suas águas. Fico toda arrepiada lembrando daquela mulher de vestido tomara que caia flanando em sus águas. Como se de um balé se tratasse.

“La dolce vita” é um collage de momentos desde o ponto de vista do escritor Marcelo Rubini (Mastroianni). O filme era tão sensual, louco como a vida mesmo, que foi proibido em um montão de países. Ai, a hipocrisia humana. Mas ganhou a merecida Palma de Ouro em Cannes em 1960 e um Oscar de melhor vestuário no mesmo ano.

Em 2005, o filme argentino-espanhol -“Elsa y Fred”– que trata da solidão, fez uma homenagem à mítica cena de Anita Ekberg. Em “Elsa y Fred” a atriz uruguaya China Zorilla entra na fonte. A música do filme é interpretada pelo grande cantor espanhol, Joan Manuel Serrat. E tem como título, a sugestiva frase: “Hoy puede ser un gran día”.

Em 2014 fizerm um remake de Elsa e Fred com os atores: Cristophe Plumer e Shirley Maclaine.

Mas a Fontana velha de guerra construída no século 18, no lugar onde se encontrava um dos mais antigos aquedutos romanos, estava precisando de uma boa restauração. A Fendi – pagou os 2.500.000€ para que ela voltasse a ser o que já tinha sido. Dizem que está mais linda ainda, se isso é possível. Vou contar e mostrar tudo prá vocês agora em agosto 😉

Este ano a FENDI fez 90 anos e para comemorar realizou um desfile de conto de fadas moderno sabe onde? Sobre a Fontana de Trevi. Aconteceu esta semana e foi uma destas coisas que a gente até chora de emoção. Aquelas mulheres lindas, vestidas divinamente, caminhando sobre as águas da Fontana sob o olhar atento de Netuno.

Assista os vídeos anteriores da Web Série “il dolce far niente”, clicando aqui.

Veja também o post: Onde é melhor se hospedar em ROMA e FLORENÇA.

Veja todos nossos posts da ITÁLIA

Busque e reserve seu hotel em ROMA, clicando aqui. Assim você conseguirá ótimos preços, poderá cancelar sem taxas sua reserva (excepto em alguns casos quando se tratam de promoções!) e ainda ajudará a manter atualizado este blog. Obrigada

Lembre que o seguro de viagem é obrigatório para entrar na maioria dos países europeus. Fora que, qualquer problema lá fora pode te custar uma fortuna! A gente facilita as coisas, nosso parceiro Real Seguros, orça teu pedido em diferentes seguradoras e encontra a melhor prá você, seja por critério preço ou cobertura, para acessar clique aqui.

Para comprar as entradas dos principais atrativos da cidade, clique aqui, e evite filas de até 2 horas de pé \o/

Guia de Museu | Guia Galeria degli Uffizi

7 Comentários

  1. Ilma Madureira

    Oi Patrícia, isso que voce disse da Galeria Borghese, quando fui a primeira vez à Roma deixou-me arrasada. :(.
    Fiz um reserva e só depois descobri que era só para o jardim :).
    Chegando lá, como voce mesma disse – sem choro nem vela. Fiquei super contrariada na época.
    Retornei ano passado e pude encantar-me com seu rico interior. Ufa! Valeu a liçao. Agora tudo que dá eu reservo online.
    Boas férias.
    Abraços de viajante

    responder
  2. Vica

    Fantástico adorei saber sobre esse Museu.Obrigada

    responder
  3. Leidiane Marinho

    Oi Patrícia! Faz um video ou um post com as obras imperdíveis desse museu!! Sua opinião é muito relevante! Abs.

    responder
  4. Leidiane

    20 euros a partir de 16/11/16, ficou bem caroooo.

    Novità dal 16 novembre:
    – Biglietto unico maggiorato per Museo e Mostra:
    “L’Origine della Natura Morta. Caravaggio e il Maestro di Hartford”

    responder
  5. Aline

    Oi, Patrícia! Então essa compra dos bilhetes pela internet já funciona como reserva? Não precisa de mais nenhum tipo de contato lá? Por que pesquisando em outros blogs de viagem eles sempre falam da necessidade de ligar lá para reservar, que eu pensei que havia um segundo passo além da compra dos bilhetes. Obrigada!

    responder
    • Patricia de Camargo

      Aline, só precisa ligar se for comprar o Roma Pass. Caso adquira o bilhete diretamente pelo site oficial não precisa ligar, é só chegar uns 15/20 minutos antes do horário comprado e apresentar os bilhetes impressos. Eu comprei pelo site em 2016, é bem simples quando você chegar lá. Só ñ chegue atrasada, porque as entradas apenas acontecem dentro do horário estipulado.
      Um abraço

      responder
  6. Juliana Torres Miyoshi

    Amei o artigo, será muito útil para a nossa visita agora no final de março. Eu amo ambos os filmes, irei fazer um vídeo para homenagea los e irei aproveitar estas informações tão bem passadas neste post.

    responder

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Pessoas, pessoas, pessoas ... mesmo num mundo polarizado, são os encontros que marcam nossa existência, enfim que nos fazem felizes. Hoje graças a minha amiga Leidinara do @curitidoce conheci a Kitsten do @travelandabroad que me fez essa foto, que revela como eu sou em dias em que os encontros deixam minha alma leve, leve ... Brigaduuuu Kitsten e Lola 🥰

#fotografamadrid #madri #museoreinasofia #photoshoot #hapiness
  • Olha a quantidade de pássaros no lago do  Parque del Retiro 😱

O clima está meio maluco. Choveu, fez sol, frio, nem tanto, tá parecendo Curitiba 😂

#parquedelretiromadrid #madridlovers❤️ #roteiromadri
  • Você está participando do #lendoarte2020? Se está, tenho uma baita novidade, a criação de um guia de leitura. Como o livro do Will Gompertz não traz muitas imagens, vou colocar nesse guia, as imagens das obras citadas e material extra para quem tiver a fim de saber mais sobre o tema tratado a cada capítulo. ⁣
⁣
O post está no www.turomaquia.com (coloque o link na bio) e nele pouco a pouco vão aparecer todos os capítulos. Hoje já pode consultar o material do capítulo1, mas até o final da semana, nesse mesmo link terão à disposição as imagens dos capítulos 2 e 3. Curtiu a ideia? Tem alguma sugestão de outras coisas que gostaria de ver nesse "Guia de Leitura do Isso é Arte"?⁣
⁣
Post: http://bit.ly/isso-e-arte⁣
⁣
#issoearte #willgompertz #historiadaarte #lendoarte #duchamp #elsa #afonte #artemoderna #arteconceitual
  • Me comportei muito bem, olha só o que os Reis trouxeram do Oriente 😜😜😜 #presentesdenatal #livrodemoda #livrodearte #maximhuerta #klimt #pullandbear #itcosmetics
  • O primeiro mangá da Editora Pipoca & Nanquim lançado em 2018. O personagem nos leva pelas salas do Louvre acompanhado por uma de suas divas. É uma edição linda e de grande formato. ⁣
⁣
O que eu achei mais legal foi que o autor fala de alguns artistas que não são aqueles mais buscados pelos turistas. É claro que Da Vinci aparece, mas também um pouco conhecido pelo grande público, Daubigny.⁣
⁣
O livro não se restringe ao Museu do Louvre, o personagem viaja a uma cidade próxima à Paris para se encontrar com outro grande artista ;)⁣
⁣
É uma leitura rápida. Daqueles livros para deixar na mesa da sala e rever os desenhos, bem como para  proporcionar às nossas visitas algo muito mais lindo e interessante do que uma revista de fofocas ;) #desafio1livropormês #livrosdearte #turolivros #mangaartist #louvremuseum #jirotaniguchi #pipocaenanquimeditora
  • Uma alegoria do sonho americano através da saga de uma família imigrante, os Levov. O personagem principal que parece ser e ter tudo, vê pouco a pouco como sua vida desmorona, ou melhor, a visão da perfeição que ele tinha de si mesmo e de todos aqueles que o rodeavam.⁣
⁣
Uma novela que fala sobre nossa humana debilidade em sempre tentar encontrar motivos, razões pelas quais coisas ruins, estranhas, sem sentido, acontecem em nossas vidas. E portanto, também é uma ode (de certa forma) à perda da inocência. ⁣
⁣
Philip Roth ganhou o Prêmio Pulitzer por essa novela  em 1998.⁣
⁣
Li o e-book e curti muito até os 70%, depois achei meio arrastado. Mas ninguém pode dizer que o final não é surpreendente.⁣
⁣
"Viver é entender as pessoas errado, entendê-las errado, errado e errado, para depois, reconsiderando tudo cuidadosamente, entender mais uma vez as pessoas errado. É assim que sabemos que continuamos vivos: estando errados. Talvez a melhor coisa fosse esquecer se estamos certos ou errados a respeitos das pessoas e simplesmente ir vivendo do jeito que der. Mas se você é capaz de fazer isso ... bem, boa sorte".⁣
⁣
"Ele aprendera a pior lição que a vida pode ensinar - que ela não faz sentido. E quando isso acontece, a felicidade nunca mais é espontânea. É artificial e, mesmo então, obtida ao preço de um tenaz alheamento de si mesmo e da própria história".⁣
⁣
"Quem é que está preparado para a tragédia e para o absurdo do sofrimento? Ninguém. A tragédia do homem despreparado para a tragédia - esta é a tragédia do homem comum".⁣
⁣
"O que o estava deixando espantado era como as pessoas pareciam correr para longe de si mesmas, correr para longe da matéria mesma, qualquer que fosse ela, que fizera dessas pessoas aquilo que eram e, assim drenadas de si mesmas, elas se transformavam no tipo de gente de quem, em outros tempos, elas mesmas teriam sentido pena". ▶️ Para comprar ou saber mais, clique no link da bio.

#booklover #philiproth #apastoralamericana #desafioumlivropormes

Follow Me!