Guias de Viagem e Arte

 
 
jun 17 2013

Momento absurdamente perfeito em New York – ou meu particular Serendipity

corazonAndando pela 60th Street em direção ao “teleférico” para Rossevelt Island dei de cara com um local mítico. O mítico não é só pelos personagens que já provaram suas delícias, mas principalmente por sua marca registrada, que tem um nome meio contraditório: Hot Frozen Chocolate ¿!?

O Serendipity 3 abriu suas portas em 1954. A maioria do pessoal que está lendo este post (e eu mesma!) conheceu o local quando ele saiu no filme “Serendipity” de 2001. Numa cena ótima onde os 2 protagonistas, John Cusak e Katie Beckinsale, tomam o famoso sorvete gelado. Mas pesquisando um pouco descobri que muito antes já haviam sentado por lá Marilyn Monroe e Andy Wharhol só prá citar alguns dos meus favoritos 😉

Mas voltando ao momento “serendipity”, quando sem querer vi do outro lado da rua, o fundo negro com as letras brancas não acreditava, e claro que tive que entrar. Meio da tarde de uma sexta-feira, o local estava cheio, mas não entupido. Em poucos minutos me levaram para minha mesa na parte de cima.
A decoração é peculiar, um monte de estilos reunidos, e uma loucura de objetos para todos os lados.
Serendipity - New York - Sorvete de cine Serendipity - New York - Sorvete de cine

Trazem o menu, mas como não posso pedir o Golden Opulence Sundae, claro que isto não tem nada a ver com o irrelevante preço – $1,000.00, e sim porque o sorvete que leva ouro deve ser reservado com 48 horas de antecedência 😉 Me resigno a pedir o sorvete patenteado.
Serendipity - New York - Sorvete de cine

Como já disse, os doces não “me vuelven loca” pelo que quando chega à mesa o Hot Frozen quase caio prá tras. Enorme! Penso, nem em 2 encarmações vou poder com ele! Bobinha 😉 Corajosamente meto a colher no fundo e quando levo à boca, uma explosão de sabores meio frios, meio quentes. E mais uma grata surpresa, não é enjoativo.

Vou lenta, admirando o lugar, as pessoas, e a cada momento passa o garçom que preenche o copo da “tap water” geladinha hummmm Claro que terminei com o copão, e se estivesse acompanhada, quem sabe na gula máxima tivesse pedido outro para dividir. Mas estava solita, e tinha muita programação pela frente.
Serendipity - New York - Sorvete de cine

Foi difícil deixar o Serendipity. Mas adrenalinada pelo chocolate, acelero o passo para ir de encontro com o próximo acaso maravilhoso que a vida me proporcionaria.
Serendipity - New York - Sorvete de cine

Informação prática
End.: 225 East 60th Street – between 2nd and 3rd Avenues – New York, NY 10022
Horário: de domingo a quinta das 11:30 à meia-noite; sexta das 11:30 à 1 da manhã; e sábado das 11:30 às 2 da manhã. Apenas aceitam reservas para almoço e jantar.
Site: http://www.serendipity3.com
Gastei U$ 9,74 com taxas, e deixei de propina U$ 1,50. Excelente custo x benefício!

Veja todos nossos posts de NEW YORK

Planejamento ViagemBusque e reserve seu hotel em New York, clicando aqui. Assim você conseguirá ótimos preços, poderá cancelar sem taxas sua reserva (excepto em alguns casos quando se tratam de promoções!) e ainda ajudará a manter atualizado este blog. Obrigada

Planejamento ViagemLembre que o seguro de viagem é obrigatório para entrar na maioria dos países. Fora que, qualquer problema lá fora pode te custar uma fortuna! A gente facilita as coisas, nosso parceiro Real Seguros, orça teu pedido em diferentes seguradoras e encontra a melhor prá você, seja por critério preço ou cobertura, para acessar clique aqui.

Para comprar as entradas dos principais atrativos da cidade, clique aqui, e evite filas de até 2 horas de pé \o/

Quer receber mais dicas de viagem?
Então curta nossa página no Facebook, clicando aqui.
Siga o nosso Twitter @turomaquia.

fotos: turomaquia_2013
video: omi4you

Siga a gente no Instagram, clicando

2 Comentários

  1. Fernanda Scafi

    Hj postei no meu blog uma super lista de restaurantes recomendados em NY que não consegui ir na minha 1a viagem pra lá e coloquei os links para vários blogs que recomendaram, inclusive um link para esse post aqui!

    responder
  2. Fábio Pastorello

    Esse vai ficar para uma próxima, mas adorei o lugar.

    responder

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • O que é isso? Uma estação de trem basiquinha 😂😂 Qual foi a estação de trem mais bonita que você já conheceu?

#atocha #trem #madrilovers #tremEspanha
  • O entardecer da janela do nosso quarto de hotel. Como alguém abandona esse lugar? 
Mas amanhã não tem jeito, porque uma cidade monumental nos espera no sul 🙆🏼‍♀️ #madridview #madrilovers #hotelview #hotelesdeensueño #madri
  • Pelas ruas de Madri 💁🏽‍♀️ #street_photography #madrilovers #madrid🇪🇸 #espana🇪🇸
  • Desfrutando de uma visão 360 graus de Madri, onde? No nosso hotel. Para descobri-lo, clique no link da bio 💁🏽‍♀️ #viewmadrid #madrilovers #espanha🇪🇸 #hotelcomvistas
  • Depois de ver a série sobre Chernobyl na HBO, decidi comprar o livro da bielorussa e ganhadora do Nobel da Literatura, Svetlana Alexiévich. 🌟Madre mía, que livro. Para quem assistiu a mini série, a história do bombeiro e sua esposa é uma das que aparece nesse conjunto de entrevistas que pouco a pouco conformam diante de nossos olhos a história das pessoas invisíveis e muitas delas “desaparecidas” graças ao acidente de Chernobyl.

Essas vozes vão desenhando o que verdadeiramente aconteceu naquele 26 de abril de 1986 e nos meses subsequentes. E no fundo, vamos compreendendo como se forjou o caráter soviético resignado de entregar à própria vida ao Estado.

Entramos na vida de pessoas que de crianças sofreram com o Cerco a Leningrado (atual São Petersburgo) e que por ironia do destino hoje vivem na enorme área afetada pelo desastre. ➡️ Mas que vivem, sobrevivem vendo crianças que sucumbem aos mais diversos tipos de câncer, mulheres e homens que não podem ter filhos e um desalento que lhes leva a viver de glórias  e tempos passados. Porque além do desastre, das casas que deixaram, dos seres amados que perderam, também viram como seu mundo inteiro desabava com a quebra do bloco soviético.

A escrita de Svetlana é brilhante e como o outro livro que comentei “Pátria”, devia ser outra leitura obrigatória no Ensino Médio. Daqueles livros que fazem com que saímos da zona de conforto do nosso próprio umbigo, porque nos revela um sofrimento que dificilmente quaisquer de nós poderia suportar. Uma zona do mundo onde reina a desesperança. (Link da edição em português na bio)

#chernobyl #svetlanaalexievich #turolivros #oqueler  #vozesdetchernobil #desafioumlivropormês #books📚
  • Nem só do mosteiro vive Alcobaça. Dá uma olhada nas primeiras fotos 🤪 Preparei um guia completo para você desfrutar muito da cidade e do seu Patrimônio Mundial da Humanidade. Link na bio 👈🏽 #alcobaca #portugalovers #foodlovers #ondecomeremportugal #centrodeportugal #restauranteportugal #patrimoniomundialdelahumanidad

Follow Me!