Guias de Viagem e Arte

 
 
nov 29 2015

Descubra onde estão as estrelas Michelin da Espanha

Na última quarta-feira (25/11) em Santiago de Compostela se conheceram as estrelas Michelin da Península Ibérica. Poucas foram as novidades, mas tive a ideia de colocar as estrelas num mapa para aqueles viajantes que curtem uma gastronomia “de altura” 😉 A Espanha tem 183 restaurantes com estrelas, sendo 8 com três estrelas; 18 com 2 e 157 com uma estrela Michelin.

Estrelas Michelin da Espanha: Madri

Entrando em matéria, vejamos primeiro as novidades deste ano. A mais comemorada ( ao meu ver) foi a segunda estrela do Mario Sandoval para seu Restaurante Coque, que fica a 30 km de Madrid, em Humanes. O restaurante oferece dois menus, o mais barato custa 100€ e com harmonização de vinhos sai 150€.
Captura de pantalla 2015-11-26 a las 18.23.40
Captura de pantalla 2015-11-26 a las 18.23.59

O Zaranda também conquistou a segunda estrela Michelin. Este restaurante começou em Madri e depois se mudou para Mallorca,  está capitaneado por Fernando Arellano e Itzi Rodríguez. O menu começa em 115€ (180€ com harmonização). O Chef Fernando mantém outro restaurante mais familiar na mesma ilha com uns preços bem atraentes, o Olivera.
Captura de pantalla 2015-11-26 a las 18.32.12
Já em matéria de 1 estrela, houveram mais agraciados. Começamos em Madrid com o Restaurante Lúa, que oferece um menu a 60€ (86€ harmonizado). O chef aqui é Manuel Domínguez Carrete.
Captura de pantalla 2015-11-26 a las 18.39.26

Estrelas Michelin da Espanha: Barcelona e Catalunha

Em Barcelona, há 2 novos estrelados, os dois são da Família Adrià: Disfrutar e Hoja Santa. Este último se converte no segundo restaurante mexicano estrelado na Espanha, o primeiro foi o Punto MX (Madri). Olha não sei como ficarão os preços depois da estrela, mas hoje por hoje o cardápio tem pratos de 2,50 a 38,90€, pra falar a verdade só um prato ultrapassa a barreira dos 30€ e outros 4 a dos 20€. No Disfrutar os menus começam em 70€.

Na Catalunha, juntam-se a estes dois, o TresMacarrons. Se eu contar pra vocês que este vermut restaurante tem menus de almoço de quarta a sexta por 24€, vocês acreditam?! Pois é verdade \o/ ele fica a apenas 25 km do centro de Barcelona e junto ao mar. O último catalão é o  Emporium em Girona.

Estrelas Michelin da Espanha: no Norte

No Norte, em Bilbao aparece o Restaurante Zarate, onde o menu começa em 43€. E no outro extremo, em Santiago de Compostela, o Chef Marcelo Tejedor alcançou a estrela com a Casa Marcelo 🙂
Captura de pantalla 2015-11-26 a las 19.03.03
Na Andaluzia, também ganharam a sua estrela: Acanthum do Chef Xanty Elías, que fica em Huelva, com menus a partir de 40€ e uns preços a la carte bem agradáveis. Já a Província de Málaga está com tudo e não esta prosa, ganhou 3 para sua constelação: Kabuki Raw, que fica ao lado do mar em Casares. Em Marbella, o Mesina,com menu a partir de 62€. A lista andaluza termina com Diego Gallegos e seu Sollo. Com um menu curto de 15 passos a 60€ \o/ #euquero
Captura de pantalla 2015-11-26 a las 19.13.24
Captura de pantalla 2015-11-26 a las 19.18.39
Captura de pantalla 2015-11-26 a las 19.19.27
Captura de pantalla 2015-11-26 a las 19.28.23

Estrelas Michelin da Espanha: no Centro

Mais ao centro, pertinho de Madri em Segóvia, o Villena agora é estrelado, está localizado estrategicamente entre o Aqueduto Romano e o Alcázar, que inspirou Walt Disney! Para terminar na península, El Ermitaño, em Zamora, com menus a partir de 45€.

Estrelas Michelin da Espanha: nas Canárias


As Canárias também ganharam uma estrela, mais precisamente a ilha de Tenerife  – “El Rincón de Juan Carlos
, dos irmãos Juan Carlos Padrón e Jonathan, que oferecem um menu clássico por 32€. O restaurante fica no sul da ilha.

Estrelas Michelin da Espanha: os 3 ??????

Nenhuma novidade entre os restaurantes com 3 estrelas, ao menos as mantém, ufaaaaa. Em Madri, o Diverxo, que em 2016 não me escapa, é do Chef David Muñoz, que também mantém o delicioso Streetxo, altamente recomendável e uma boa introdução a sua cozinha “canalha” #amo O estrelado oferece um menu curto por 145€ e outro longo por 200€, quem já foi, disse que o melhor é decantar-se pelo longo e passar 4 horas se deliciando. A Lu Betenson foi no Diverxo antes da mudança, dá uma olhada aqui no que ela escreveu sobre o tri-estrelado.
Captura de pantalla 2015-11-26 a las 19.52.16
No Pais Vasco os tri são: Akelarre, do Chef (fofo!) Pedro Subijana, com menu degustação a 175€. O Arzak, do emblemático Chef Juan Mari Arzak, menus a partir de 140€. Restaurante Martín Berasategui, que leva o nome do Chef, cujo menu custa 205€. Prá terminar por lá, o Azurmendi, do Chef Eneko Atxa, com um menu a partir de 145€. O restaurante está num lugar lindo de morrer! O complexo também abriga um restaurante low cost, o Bistró Prêt À Porter, com menus a partir de 38€ \o/

Captura de pantalla 2015-11-26 a las 20.10.57

Captura de pantalla 2015-11-26 a las 20.23.26

Na Catalunha, temos os irmãos Roca que detém o título de “Melhor restaurante do Mundo” Celler Can Roca. Para saber como é comer por lá, dá uma olhada no post da Adriana Setti. Agora se estiver em Barcelona e quiser sentir como é a cozinha dos irmãos vá ao estiloso Hotel Omm e curta o low cost do trio – o Roca Bar, eu fui e quero voltar! Em Madri, também dá para curtir os doces do irmão que já ganhou o prêmio de melhor “doceiro do mundo”, o Jordi Roca, é só ir ao Gourmet Experience do El Corte Inglés da Calle Serrano, 52. Já fui duas vezes no Rocambolesc e recomendo, a matriz da sorveteria fica no centro de Girona.

Ainda na Catalunha continuamos com os tri-estrelados, o Sant Pau  da Chef Carme Ruscalleda, fica em Sant Pol del Mar. O menu de outono custa 165€. Ela também é responsável pelo Restaurante Moments que fica dentro do Mandarin Oriental de Barcelona, com duas estrelas Michelin (menu a 153€).

Prá terminar, o Quique Dacosta, do chef de mesmo nome. Localizado em Denia, na Comunidade Valenciana, fica entre Valencia e Murcia. Oferece dois menus a 185€/cada.
Captura de pantalla 2015-11-26 a las 20.50.21Captura de pantalla 2015-11-26 a las 20.50.08

Este post em breve contemplará todas as demais estrelas Michelin espanholas, portanto é um post em construção 😉 assim como o mapa que você pode guardar e compartilhar com os amigos. Sei que os preços podem parecer um poquitim altos, mas gente, a experiência é incrível! Sinceramente sempre tento colocar uma grande experiência gastronômica por viagem. Vejo estes chefs como artistas e embora o mundo esteja enlouquecendo por uma cultura do tudo grátis ou quase, claramente isto não é sustentável. Recomendo o documentário sobre o Ferran Adrià prá você entender porque estes menus custam o que custam, após vê-lo tenho certeza que você vai achar o preço justo 🙂
Captura de pantalla 2015-11-27 a las 8.45.21

* Para ver a história do Bulli em capítulos, clique aqui. Para ver o mapa ampliado e para guardá-lo em seus mapas, clique aqui.

Legenda do mapa:
vermelho: 3 estrelas Michelin
laranja: 2 estrelas Michelin
verde: 1 estrela Michelin

O que fazer em Barcelona - Guia (ebook)
Madri - Guia do Prado

imagens: sites oficiais dos restaurantes
mapa: turomaquia_2015

Postado por Patricia de Camargo | Marcadores:

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Pelas ruas de Madri 💁🏽‍♀️ #street_photography #madrilovers #madrid🇪🇸 #espana🇪🇸
  • Desfrutando de uma visão 360 graus de Madri, onde? No nosso hotel. Para descobri-lo, clique no link da bio 💁🏽‍♀️ #viewmadrid #madrilovers #espanha🇪🇸 #hotelcomvistas
  • Depois de ver a série sobre Chernobyl na HBO, decidi comprar o livro da bielorussa e ganhadora do Nobel da Literatura, Svetlana Alexiévich. 🌟Madre mía, que livro. Para quem assistiu a mini série, a história do bombeiro e sua esposa é uma das que aparece nesse conjunto de entrevistas que pouco a pouco conformam diante de nossos olhos a história das pessoas invisíveis e muitas delas “desaparecidas” graças ao acidente de Chernobyl.

Essas vozes vão desenhando o que verdadeiramente aconteceu naquele 26 de abril de 1986 e nos meses subsequentes. E no fundo, vamos compreendendo como se forjou o caráter soviético resignado de entregar à própria vida ao Estado.

Entramos na vida de pessoas que de crianças sofreram com o Cerco a Leningrado (atual São Petersburgo) e que por ironia do destino hoje vivem na enorme área afetada pelo desastre. ➡️ Mas que vivem, sobrevivem vendo crianças que sucumbem aos mais diversos tipos de câncer, mulheres e homens que não podem ter filhos e um desalento que lhes leva a viver de glórias  e tempos passados. Porque além do desastre, das casas que deixaram, dos seres amados que perderam, também viram como seu mundo inteiro desabava com a quebra do bloco soviético.

A escrita de Svetlana é brilhante e como o outro livro que comentei “Pátria”, devia ser outra leitura obrigatória no Ensino Médio. Daqueles livros que fazem com que saímos da zona de conforto do nosso próprio umbigo, porque nos revela um sofrimento que dificilmente quaisquer de nós poderia suportar. Uma zona do mundo onde reina a desesperança. (Link da edição em português na bio)

#chernobyl #svetlanaalexievich #turolivros #oqueler  #vozesdetchernobil #desafioumlivropormês #books📚
  • Nem só do mosteiro vive Alcobaça. Dá uma olhada nas primeiras fotos 🤪 Preparei um guia completo para você desfrutar muito da cidade e do seu Patrimônio Mundial da Humanidade. Link na bio 👈🏽 #alcobaca #portugalovers #foodlovers #ondecomeremportugal #centrodeportugal #restauranteportugal #patrimoniomundialdelahumanidad
  • A Grécia 🇬🇷 nos faz felizes 💙 Qual lugar enche tua alma de felicidade, carrega tuas pilhas?

#greecelovers #grecia #creta #happymoment #travel_captures
  • Coisas que só a Grécia faz por você! Não é só o por do sol claro 🤪 É ver no mesmo dia sítios arqueológicos, praias de águas cristalinas com tumbas romanas, cidades históricas e restaurantes de beira de estrada incríveis. E terminar a jornada com este panorama 💙🧡 Tudo isso é mais você pode ver no post sobre nossas 24 horas de carro em Creta. O link está na bio 👀

Você conhece Creta? Qual é teu lugar favorito dessa ilha?

#creta #rethymnon #greecelovers❤️🇬🇷 #roteirodecarro #grecia

Follow Me!