Guias de Viagem e Arte

 
 
set 15 2013

Lombardi´s – a primeira pizzaria dos Estados Unidos | New York

Enquanto pensava como iniciar este relato me veio à cabeça: “quem não gosta de pizza, bom sujeito não é, é ruim da cabeça, ou doente do pé”. Mas 2 minutos depois de pensar neste começo infálivel, ele faliu 🙁 Conheço gente que não curte pizza, ou que pede pizza sem tomate e até sem queijo, e que continua sendo gente maravilhosa, meio estranha, mas maravilhosa 😉
Lombardi´s - Pizza em New York

Portanto abandono os jogos de palabra, para entrar no Lombardi´s. Segundo o próprio site do restaurante e um montão de artigos mundo afora, esta foi a primeira pizzaria dos Estados Unidos da América. Abriram suas portas em 1905, e o negócio passou de geração em geração. Agora quem toca o local é um neto do fundador.
Lombardi´s - Pizza em New York

Ambiente de cantina com suas toalhas xadrez brancas e vermelhas. Móveis de madeira escuros, e nada de fazer reservas. Mas se isto pode ser meio chato, tem outra característica genial, o serviço é ininterrupto. Ou seja, pintou a fome das 11:30 às 23:00 horas pode passar por lá e pedir tua pizza.
Lombardi´s - Pizza em New York Lombardi´s - Pizza em New York

Foi o que eu fiz, cheguei no Lombardi´s por volta das 16:00 horas. Como vinha de uma caminhada desde Wall Street estava meio morta de fome. Pedi uma small 14¨ (U$ 16,50) e não adicionei nenhum outro recheio (topping). A pizza vem com muzzarela e manjerição fresco. Ao que se podem somar vários outros ingredientes. A small (como tudo nos EUA!) não tinha nada de small. Ao contrário, era uma big pizza de 6 pedaços.
Lombardi´s - Pizza em New York

Esqueça tua idéia pré-concebida de pizza. O que se come no Brasil é uma variação adaptada aos nossos gostos. A massa é fina e crocante; e nem pense em recheios transbordantes. Mas tenho que te advertir que até na Itália a coisa vai mais nesta direção! Vá de peito aberto, neste caso, boca aberta (eu sei, fatal!) e aproveite os ingredientes frescos e de qualidade.
Lombardi´s - Pizza em New York

Não esperei para entrar, mas na hora que sai (por volta das 17:00) já havia fila na porta. Com a bebida + propina gastei U$20,15. Eles não aceitam cartão de crédito ? Sobraram 2 pedaços que pedi para levar. Sai feliz, e como não, se o slogan dos caras é o mesmo da Bahia, e de quebra tem uma mega garota propaganda 😉
Primeira pizzaria dos Estados Unidos - Lombardi´s

Combina com: final de passeio por Wall Street e tarde de compras pela Broadway.
End.: 32 Spring St

Nas sextas e sábados ficam abertos até meia-noite, para saber mais visite o site: http://www.firstpizza.com/home.html e assista o video.

Veja todos nossos posts de NEW YORK

Busque e reserve seu hotel em New York, clicando aqui. Assim você conseguirá ótimos preços, poderá cancelar sem taxas sua reserva (excepto em alguns casos quando se tratam de promoções!) e ainda ajudará a manter atualizado este blog. Obrigada

Nem pense em viajar sem seguro, a gente facilita as coisas te oferecendo um desconto de 15% \o/ Clique aqui, e para ganhar o desconto neste ano de 2016, coloque o código: AFILI2016. Para ver os descontos em outros anos, clique aqui

Para comprar as entradas dos principais atrativos da cidade, clique aqui, e evite filas de até 2 horas de pé \o/

Chamada video 2

fotos: turomaquia_2013 e video about.com

2 Comentários

  1. Nick

    Oi Patrícia, isso que vc disse em relação a pizza, concordo plenamente. Aqui no Brasil a pizza acabou ganhando características diferentes, da tradicional pizza italiana. Em 2011 estive em Nápoles na pizzaria Da Michele (aquela da Julia Roberts em Comer, Rezar e Amar), e a pizza é bem rústica e com pouco recheio.
    Abraços !!!

    responder
    • Patricia de Camargo

      Nick, tô louca para ir a Napoli e comer aí uma pizza original 😉 Uma flaha no meu curriculum de viajante!
      beijos

      responder

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • O que é isso? Uma estação de trem basiquinha 😂😂 Qual foi a estação de trem mais bonita que você já conheceu?

#atocha #trem #madrilovers #tremEspanha
  • O entardecer da janela do nosso quarto de hotel. Como alguém abandona esse lugar? 
Mas amanhã não tem jeito, porque uma cidade monumental nos espera no sul 🙆🏼‍♀️ #madridview #madrilovers #hotelview #hotelesdeensueño #madri
  • Pelas ruas de Madri 💁🏽‍♀️ #street_photography #madrilovers #madrid🇪🇸 #espana🇪🇸
  • Desfrutando de uma visão 360 graus de Madri, onde? No nosso hotel. Para descobri-lo, clique no link da bio 💁🏽‍♀️ #viewmadrid #madrilovers #espanha🇪🇸 #hotelcomvistas
  • Depois de ver a série sobre Chernobyl na HBO, decidi comprar o livro da bielorussa e ganhadora do Nobel da Literatura, Svetlana Alexiévich. 🌟Madre mía, que livro. Para quem assistiu a mini série, a história do bombeiro e sua esposa é uma das que aparece nesse conjunto de entrevistas que pouco a pouco conformam diante de nossos olhos a história das pessoas invisíveis e muitas delas “desaparecidas” graças ao acidente de Chernobyl.

Essas vozes vão desenhando o que verdadeiramente aconteceu naquele 26 de abril de 1986 e nos meses subsequentes. E no fundo, vamos compreendendo como se forjou o caráter soviético resignado de entregar à própria vida ao Estado.

Entramos na vida de pessoas que de crianças sofreram com o Cerco a Leningrado (atual São Petersburgo) e que por ironia do destino hoje vivem na enorme área afetada pelo desastre. ➡️ Mas que vivem, sobrevivem vendo crianças que sucumbem aos mais diversos tipos de câncer, mulheres e homens que não podem ter filhos e um desalento que lhes leva a viver de glórias  e tempos passados. Porque além do desastre, das casas que deixaram, dos seres amados que perderam, também viram como seu mundo inteiro desabava com a quebra do bloco soviético.

A escrita de Svetlana é brilhante e como o outro livro que comentei “Pátria”, devia ser outra leitura obrigatória no Ensino Médio. Daqueles livros que fazem com que saímos da zona de conforto do nosso próprio umbigo, porque nos revela um sofrimento que dificilmente quaisquer de nós poderia suportar. Uma zona do mundo onde reina a desesperança. (Link da edição em português na bio)

#chernobyl #svetlanaalexievich #turolivros #oqueler  #vozesdetchernobil #desafioumlivropormês #books📚
  • Nem só do mosteiro vive Alcobaça. Dá uma olhada nas primeiras fotos 🤪 Preparei um guia completo para você desfrutar muito da cidade e do seu Patrimônio Mundial da Humanidade. Link na bio 👈🏽 #alcobaca #portugalovers #foodlovers #ondecomeremportugal #centrodeportugal #restauranteportugal #patrimoniomundialdelahumanidad

Follow Me!