Guias de Viagem e Arte

 
 
out 05 2014

Como faço para visitar a Casa Monet

Como faço para visitar a Casa Monet
Ainda me arrepio quando lembro deste dia em Paris. Tenho que confessar que eu nem era muito fã do Claude Monet. Tinha este respeito reverencial porque o cara foi muito importante para o que se conhece como arte moderna. Mas esta última viagem mudou radicalmente minha opinião sobre a obra e o artista. Um dos motivos sem dúvida nenhuma foi conhecer a casa que Monet viveu seus últimos anos, e uma de suas obras, que ele considerava que era uma das mais importantes que havia realizado em toda sua vida, o Jardim Japonês.

Como chegar à Casa Monet

O combo é trem + ônibus + caminhadinha de Giverny à casa. Pegamos o trem em direção a Rouen, e descemos em Vernon. Como fomos em alta temporada, segui o conselho do Riq Freire, e escolhi o trem que saía bem cedinho, às 8:20 da manhã. Comprei o bilhete online (só a ida), como é um trem regional, você entra e senta onde quiser. Compramos nosso café da manhã antes de subir ao trem no Paul, já na Gare Saint-Lazare.
Casa Monet - França Como faço para visitar a Casa Monet
Casa Monet - França
Casa Monet - França
Uns 50 minutos depois chegamos a Vernon. Você pode alugar uma bici para ir até Giverny, o povoado onde se encontra a Casa Monet, ou pegar o ônibus até lá. Nós pegamos o ônibus, desde que você sai do trem vê a sinalização para o ônibus, e de qualquer maneira é fácil, a parada fica na frente da estação, basta com atravessar para o lado direito de quem sai do edifício.
Como faço para visitar a Casa Monet
Já compre o bilhete ida-e-volta do ônibus direto com o motorista, e fotografe a plaquinha na parada com os horários de retorno a Vernon. Desça em Giverny e caminhe alguns metros até a entrada da casa. Se você já tiver o ticket de entrada ignore a primeira entrada, que é para quem precisa comprá-lo. Nós já tínhamos as entradas, presente do pessoal do França entre Amigos, e foi uma sorte porque na saída vimos a fila enorme para comprar as entradas! Neste caso, vá direto à segunda entrada, nós fomos em agosto e nadica de fila 🙂
Casa Monet - França
Casa Monet - França

Sugestão de Visita à Casa Monet

Vá primeiro ao Jardim d´água (Jardin d´Eau), para tanto terá que descer e passar num pequeno túnel. Monet se mudou para Giverny em 1883, mais foi só em 1893 que comprou o terreno vizinho à sua casa, do outro lado da estrada de ferro (daí o tunel). E foi neste terreno que ele construiu o Jardim D´água, inspirado nos jardins japoneses que ele e outros artistas conheciam através das gravuras que estavam de moda naquela época.
Como faço para visitar a Casa Monet
Roteiro França
Pense que quando ele comprou este terreno, apenas havia um riacho e nada mais, toda aquela maravilha que você vai ver, saiu da imaginação do artista que é considerado o “Mestre do Impressionismo”, porque soube como nenhum outro mais trabalhar a luz, uma obsessão que ele não abandonou até seu falecimento na casa de Giverny em 1926.
Casa Monet - França Casa Monet - França
O jardim é uma loucura, não dá vontade de sair dali nunca mais. Senti que minh´alma se ia relaxando, e que meu corpo se convertia em pintura. Porque tinha em mente todos os quadros de Monet que havia visto pelo mundo afora, e para viver esta experiência incrível te recomendo com toda força do meu coração que antes de visitar Giverny vá ao menos no Orangerie, e veja os nenúfares gigantes. Você não vai se arrepender!
Casa Monet - França
Ainda meio aturdidos, fomos em direção à casa, e na minha ignorância imaginava que os jardins se acabavam ao cruzar o tunel, que nada minha gente. Na verdade, a casa é coadjuvante de uns imensos e coloridos jardins.
Casa Monet - França
Me sentia tão feliz, e imaginava a melancolia que pode sentir Monet quando sua esposa faleceu, e ele entrou numa depressão profunda mesmo vivendo num lugar lindo como aquele.
Casa Monet - França Casa Monet - França
Mesmo sendo atriz secundária, não deixe de entrar na casa, que parece saída de um conto de fadas. Lá dentro nada de fotos. Na sala-estudio, reproduções das obras que inundavam suas paredes de cor. Pegue a folha de sala, porque nela você fica sabendo em que museu se encontra atualmente cada quadro.

Apaixonei pela sala de jantar, e lembrei muito da obra do Cildo Meireles que visitei no Inhotim, “Desvio para o vermelho”. Só que no caso de Monet, o desvio foi para o amarelo.
Desvio para o Vermelho - Cildo Meireles
A saída do complexo é por uma tentação dos diabos, uma baita loja \o/ Claro que não resisti, fico tão excitada em museus e casas de artistas que meus sentidos me tomam, e a necessidade de levar algo me toma de uma maneira meio diabólica, confesso 🙁
Roteiro França

Para quem prefere ir no tour organizado, recomendo nosso parceiro, o TicketBar, para compra antecipada e em português 🙂 É só clicar sobre a imagem!
Captura de Tela 2016-05-02 às 19.13.31
Quando ir e quanto custa este bate e volta
Roteiro de carro pela França | Casa Monet e + Normandia

Neste ano de 2018, a Casa Monet permanecerá aberta de 23 de março a 1 de novembro, das 09:30 às 18:00 horas.

Saiba mais sobre Monet


Veja todos nossos posts de PARIS

Busque e reserve seu hotel em PARIS, clicando aqui. Assim você conseguirá ótimos preços, poderá cancelar sem taxas sua reserva (excepto em alguns casos quando se tratam de promoções!) e ainda ajudará a manter atualizado este blog. Obrigada

Lembre que o seguro de viagem é obrigatório para entrar na maioria dos países. Fora que qualquer problema lá fora pode te custar uma fortuna! A gente facilita as coisas, nosso parceiro Real Seguros, orça teu pedido em diferentes seguradoras e encontra a melhor prá você, seja por critério preço ou cobertura, para acessar clique aqui.

Para comprar as entradas dos principais atrativos da cidade, clique aqui, e evite filas de até 2 horas de pé \o/

Siga a gente no Instagram, clicando

fotos: turomaquia_2014

5 Comentários

  1. Paula Brum

    Sonhava em conhecer, até que em abril desse ano me perdi por entre aqueles canteiros. É um lugar de sonho, cheio de histórias e no qual pretendo retornar num mês de maio ou junho. Percebi, por suas imagens, que as cores que envontraste já eram outras, é um lugar mutante, cheio de tons, encantador. Ótima dica! BjO!

    responder
    • Patricia de Camargo

      Paula, também acho que os tons mudam a cada mês, mês e meio. Com certeza também voltaria em primavera! E na próxima gostaria de alugar um carro, e já até pensei num roteiro que vou publicar nos próximos dias 😉
      Beijos

      responder
  2. Florentina cassol

    Patricia que belo post, quanta emoção no relato, se vê que real ente ficastes maravilhada, tocada pelas belezas do local. sonhei, viajei contigo

    responder
    • Patricia de Camargo

      Brigaduuuu Florentina!

      responder
  3. Ruth Sandoval

    Conheci Paris, mas não tive oportunidade de conhecer esse local encantado.
    Sonho ir, em breve, para poder visitar!
    Aguardando o próximo post, ansiosamente, com mais dicas…!!!

    responder

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Você está participando do #lendoarte2020? Se está, tenho uma baita novidade, a criação de um guia de leitura. Como o livro do Will Gompertz não traz muitas imagens, vou colocar nesse guia, as imagens das obras citadas e material extra para quem tiver a fim de saber mais sobre o tema tratado a cada capítulo. ⁣
⁣
O post está no www.turomaquia.com (coloque o link na bio) e nele pouco a pouco vão aparecer todos os capítulos. Hoje já pode consultar o material do capítulo1, mas até o final da semana, nesse mesmo link terão à disposição as imagens dos capítulos 2 e 3. Curtiu a ideia? Tem alguma sugestão de outras coisas que gostaria de ver nesse "Guia de Leitura do Isso é Arte"?⁣
⁣
Post: http://bit.ly/isso-e-arte⁣
⁣
#issoearte #willgompertz #historiadaarte #lendoarte #duchamp #elsa #afonte #artemoderna #arteconceitual
  • Me comportei muito bem, olha só o que os Reis trouxeram do Oriente 😜😜😜 #presentesdenatal #livrodemoda #livrodearte #maximhuerta #klimt #pullandbear #itcosmetics
  • O primeiro mangá da Editora Pipoca & Nanquim lançado em 2018. O personagem nos leva pelas salas do Louvre acompanhado por uma de suas divas. É uma edição linda e de grande formato. ⁣
⁣
O que eu achei mais legal foi que o autor fala de alguns artistas que não são aqueles mais buscados pelos turistas. É claro que Da Vinci aparece, mas também um pouco conhecido pelo grande público, Daubigny.⁣
⁣
O livro não se restringe ao Museu do Louvre, o personagem viaja a uma cidade próxima à Paris para se encontrar com outro grande artista ;)⁣
⁣
É uma leitura rápida. Daqueles livros para deixar na mesa da sala e rever os desenhos, bem como para  proporcionar às nossas visitas algo muito mais lindo e interessante do que uma revista de fofocas ;) #desafio1livropormês #livrosdearte #turolivros #mangaartist #louvremuseum #jirotaniguchi #pipocaenanquimeditora
  • Uma alegoria do sonho americano através da saga de uma família imigrante, os Levov. O personagem principal que parece ser e ter tudo, vê pouco a pouco como sua vida desmorona, ou melhor, a visão da perfeição que ele tinha de si mesmo e de todos aqueles que o rodeavam.⁣
⁣
Uma novela que fala sobre nossa humana debilidade em sempre tentar encontrar motivos, razões pelas quais coisas ruins, estranhas, sem sentido, acontecem em nossas vidas. E portanto, também é uma ode (de certa forma) à perda da inocência. ⁣
⁣
Philip Roth ganhou o Prêmio Pulitzer por essa novela  em 1998.⁣
⁣
Li o e-book e curti muito até os 70%, depois achei meio arrastado. Mas ninguém pode dizer que o final não é surpreendente.⁣
⁣
"Viver é entender as pessoas errado, entendê-las errado, errado e errado, para depois, reconsiderando tudo cuidadosamente, entender mais uma vez as pessoas errado. É assim que sabemos que continuamos vivos: estando errados. Talvez a melhor coisa fosse esquecer se estamos certos ou errados a respeitos das pessoas e simplesmente ir vivendo do jeito que der. Mas se você é capaz de fazer isso ... bem, boa sorte".⁣
⁣
"Ele aprendera a pior lição que a vida pode ensinar - que ela não faz sentido. E quando isso acontece, a felicidade nunca mais é espontânea. É artificial e, mesmo então, obtida ao preço de um tenaz alheamento de si mesmo e da própria história".⁣
⁣
"Quem é que está preparado para a tragédia e para o absurdo do sofrimento? Ninguém. A tragédia do homem despreparado para a tragédia - esta é a tragédia do homem comum".⁣
⁣
"O que o estava deixando espantado era como as pessoas pareciam correr para longe de si mesmas, correr para longe da matéria mesma, qualquer que fosse ela, que fizera dessas pessoas aquilo que eram e, assim drenadas de si mesmas, elas se transformavam no tipo de gente de quem, em outros tempos, elas mesmas teriam sentido pena". ▶️ Para comprar ou saber mais, clique no link da bio.

#booklover #philiproth #apastoralamericana #desafioumlivropormes
  • Fim da San Silvestre! Foto tirada por um amigo querido, Federico. Agora partindo para a casa da minha sogra e vc onde vai passar essa noite?

#sansilvestrelaspalmas #anonovo2020 #laspalmasdegrancanaria #running
  • Recomendo essa caminhada que começa no Castillo del Tostón e vai até a Playa del Esquinzo. Ida e volta são na verdade quase 14 km, mas é de nível 1. Fizemos uma parte caminhando pela praia 🏖 
#elcotillofuerteventura #fuerteventuraexperience #fuerteventurabeach #beachlife🌴

Follow Me!