Guias de Viagem e Arte

 
 
jan 03 2007

Da obra gigantesca ao pequeno milagre da vida (A Saga do Caminho 15)

Boadilla del Camino – Carrión de los Condes 27,76 Km
No albergue de Boadilla se come um bom jantar e também um bom café-da-manhã. Barriguinha cheia, já tá na hora de fazer os curativos nos dedinhos e sair. Bem, chegou o momento de contar minha saga matutina. Primeiro passar uma pomada anti-inflamatória nos joelhos. Depois, silicone entre todos os dedos, qualquer roçadura nos pés provoca bolhas. Se ainda existia algum vestígio de bolha ou de provável nascimento passar betadine, que é uma espécie de mercúrio cromo. Então, envolver cada dedinho com uma faixa de gaza e colocar esparadrapo. Parece horrível, pois não era, depois destes cuidados podia andar horas e horas, e nada mais de maligno me ocorreu! E claro, não esquecer, primeiro colocar uma meia fina sem costuras, e por cima uma meia grossa esportiva. Pezinhos felizes, já era hora de seguir caminhando, e encontrar uma maravilha da engenharia hidráulica: o Canal de Castilla
Caminho de Santiago

Uma obra que se inicou no século XVIII e se estendeu até o XIX. A principio, queriam unir através de um canal – Segóvia e Santander, não alcançaram este objetivo, mas conseguiram unir 207 Km do território espanhol. A primeira função era facilitar o transporte de grãos e mercadorias, e a segunda irrigar as terras do centro do território.

Caminha-se vários quilômetros margeando o canal, e é uma sensação muito agradável. Na foto se vê o Antoninho junto ao Canal de Castilla, e vejam que em pleno verão europeu, pela manhã fazia frio, assim já sabem, na bagagem algo de abrigo!
Caminho de Santiago

Encontramos uma eclusa do canal na entrada de Frómista, uma cidade que herda seu nome do termo romano frumentum (trigo), mas se desconhece sua origem. Esta cidade possui um dos mais bonitos exemplares de arte românico espanhol – a Igreja de San Martín, por favor não deixe de entrar, cobram uma pequena entrada – 1€, mas vale a visita. Fique de olho nas colunas que na parte de cima – capitel – possuem diferentes alto relevos. Cada coluna é diferente da otra!

Depois de quase 15 Km, outra parada em Villalcázar de Sirga, para visitar a impressionante Igreja de Santa María la Blanca. Esta construção dos séculos XIII e XIV se encaixa entre o românico e o gótico. Ademais de sua beleza guarda a imagem da Virgem Blanca que curava os peregrinos doentes que não conseguiam sua cura em Santiago de Compostela. No caminho de volta, estes peregrinos paravam nesta igreja e oravam para a virgem a quem se atribuiu diversos milagres.
Caminho de Santiago Caminho de Santiago

Mais seis quilômetros e chegamos ao destino do dia: Carrión de los Condes. A cidade tem diversos albergues, mas eu indicaria o Espíritu Santo, das Irmãs da Caridade, freiras que fazem tudo que podem, e mais um pouco para os peregrinos. Nesta foto eu estou junto a uma imagem de Nossa Senhora no pátio deste albergue.
Caminho de Santiago

Aqui eu tropecei com uma irmã, e neste tropeço lhe caiu uma medalhinha, a senhora me olhou, sorriu e disse: “Esta medalha é tua!” Ui, parece bobo! Nada disso! Quando se vive um tempo para caminhar, comer e dormir, volta-se a estar aberto as pequenas emoções da vida. Muitas coisas voltam a fazer sentido …
Siga a gente no Instagram, clicando
Posts relacionados:
Tudo que é bom … (de Saint-Jean-Pied-De-Port a Roncesvalles)
Dificuldades … (de Roncesvalles a Zubiri)
Eu x Eu (de Zubiri a Cizur Menor)
Perdão e Reflexão (de Cizur Menor a Puente de la Reina)
Eu necessito … (de Puente de la Reina a Estella)
Da fonte de vinho a pocilga (de Estella a Los Arcos)
A chegada a La Rioja (de Los Arcos a Logroño)
Um lugar abençoado por Deus … (de Logroño a Ventosa)
O importante não é chegar … é ir! (de Ventosa a Santo Domingo de la Calzada)
O primeiro grande desafio (de Santo Domingo de la Calzada a Montes de Oca)
Divagações em Atapuerca (de Montes de Oca a Agés)
Os grandes tesouros (de Agés a Burgos)
Feliz na Aldeia Global! (de Burgos a Hontanas)
Gente de todas as cores e sabores … (de Hontanas a Boadilla del Camino)

Imagens: turomaquia_2006

1 Comentário

  1. Pedro Luiz Ramos

    Canal de Castilla, Ali exatamente naquele ponto onde esta o Antoninho foi que eu quase desisti do caminho e voltei pra casa…. tava com muita dor nas canelas e nos ombros….. se nao fosse por uma anjo companheiro de marcha chamado Christian eu teria abandonado o barco…. Por isso considero esse local muito importante pra mim, ficou marcado em minha memoria como o divisor de águas de meu caminho…. Muita saudade…

    responder

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Dica Londres: caminhada recomendada inclusive para sedentários 😂 1,3 km entre o Southbank Centre a Tate Modern junto às margens do rio. Essas imagens são de janeiro, imagina num dia lindo de sol e com um calorzinho?!⁣
⁣
Almocei com a @helorighetto no Ping Pong do Southbank e de lá fui sozinha demoradamente até essa meca da arte moderna e contemporânea. lembrando que a entrada no museu é gratuita, exceto para as exposições temporárias. Mas sempre sugiro uma doação por mínima que seja, já que a união faz a força e manter um centro de arte como esse é caro prá dedéu.⁣
⁣
E aí, qual é tua caminhada favorita em Londres? É apta para todas as idades? Conta prá mim na caixa de comentários 😘⁣
⁣
#londonlovers #caminhadaLondres #oquefazeremLondres #turoLondres #mapadelondres
  • Paguei 60 libras a diária nesse hotel localizado do lado da Abadia de Westminster #londonlovers #hotelbbblondon #hotellondres
  • Publiquei a última parte do guia de leitura desse mês. Lembre que nosso bate-papo sobre ele vai rolar no dia 27 de fevereiro às 19:30 horas no YouTube - Patricia de Camargo. Ah, é o guia vc encontra no www.turomaquia.com 🤓

#lendoarte #seurat #nationalgalleryoflondon #pontilhismo #historiadaarte #artemoderna #issoearte
  • Sentados no chão do café da Galeria degli Uffizi tomando um aperol spritz após a visita. E você acha que a gente tá com cara de infeliz?! 😂😂 Esse é um baita museu, mas que tem um café minúsculo, então não tivemos muita alternativa e estávamos mortos depois de 6 horas entre obras 🤷🏽‍♀️ Qual foi o café ou restaurante que você mais curtiu dentro de um museu?

#galeriadegliuffizi #firenzelovers #artmuseum #museu #italyart
  • Mostro pouco minha cidade por aqui. Mas uma das minhas resoluções de ano novo é resolver essa pendência 🥳 
#laspalmasdegrancanaria #vegueta #grancanarialovers🖤 #canaryislands
  • Dica Londres: vai para a cidade até 15 de março? Visite a exposição temporária de Dora Maar no Tate Modern. ⁣
⁣
Está simplesmente maravilhosa. Perfeita para você entender como ela passou de atuar como fotógrafa para grandes revistas de moda a ser uma dos bastiões do surrealismo. É claro que falam da sua relação com o Picasso, mas fiquei sabendo lá que ela além de fotografar todo o processo de desenvolvimento do Guernica, também deu algumas pinceladas no quadro e que Picasso se inspirou em uma de suas obras para colocar aquela lâmpada olho no quadro que virou símbolo da luta contra a guerra.⁣
⁣
Para entrar na coleção do Tate você não paga nada, mas as exposições temporárias são pagas. Essa custa 13 libras e vale cada centavo! Evite os finais de semana quando os londrinos também vão em massa ao museu.⁣
⁣
#doramaar #tatemodern #londresmuseu #oqueveremlondres #exposiçoesquevalemapena #artemoderna #historiadaarte #surrealismo

Follow Me!