Guias de Viagem e Arte

 
 
out 08 2014

Jardins de Monet: quando ir e quanto custa o bate-e-volta desde Paris

No primeiro post, eu contei prá vocês como chegar à Casa de Monet, e dei uma sugestão de roteiro de visita. Agora vamos à segunda parte, não menos importante 😉 quando ir, quanto custa este bate e volta e onde comer em Giverny.
Casa Monet - França Casa Monet - França

Quando ir à Casa Monet

A casa apenas fica aberta uma parte do ano, e a data exata varia. Este ano por exemplo abriu suas portas no dia 1o./abril e fecha no dia 1o. /novembro. Neste período abre todos os dias, das 09:30 às 18:00 horas.

Atualização 2017: abrirá no dia 24 de março e fechará suas portas no dia 1 de novembro.

Veja os horários de trem desde Paris para Vernon, que podem variar (pouca coisa) de um ano para outro – 07:20 / 08:20 / 10:20 / 12:20 / 14:20 (há mais horários, mas os posteriores já não valem a pena para o bate-e-volta, e tampouco recomendo o das 14:20). E seguem os horários dos ônibus Vernon-Giverny-Vernon.

Roteiro França

Casa Monet

Quanto custa o bate-e-volta à Casa Monet

Não é um bate-e-volta barato, e acho que em duas pessoas já valeria a pena alugar um carro. Mas vale cada centavo, juro!
Trem ida-e-volta (o preço não varia comprando com antecedência): 27,70€
Ônibus ida-e-volta Vernon-Giverny-Vernon: 8€
Entrada à Casa Monet: 9,50€
Total sem compras ou lanche/por pessoa: 45,20€

Para ver os dias de abertura, comprar a entrada online e ver as tarifas reduzidas, visite: http://fondation-monet.com/en/tarifs

O que fazer depois da visita à Casa Monet

Giverny é uma graça, já que você veio até aqui, nada de sair correndo de volta a Paris, desfrute um pouco mais 😉 A cidade abriga o Museu dos Impressionistas, mas sinceramente eu não tinha condição de nada mais depois da visita à casa. Optamos por sentar relaxadamente e comer alguma delícia da região.
Casa Monet - França
Casa Monet - França Casa Monet - França
Passamos por alguns locais, e nem me lembro o porquê, mas nos decidimos pelo restaurante do Ancien Hôtel Baudy. As porções eram generosas, achamos barato se comparado com Paris. Mas agora vem a surpresa, imagina minha emoção quando descobri que ele foi frequentado por artistas como Cezanne, Rodin, Sisley, Renoir e Mary Cassatt \o/
Roteiro França
Casa Monet - França
Casa Monet - França
Dá para comer ao ar-livre ou no salão com decoração de 1900, e foi o que preferimos. Não deixe de ir na parte detrás para ver o lindo jardim.

Pedimos duas entradas, dividimos, e saímos super satisfeitos. Gastamos com vinho e café, 47€ (duas pessoas).
Casa Monet - França
Veja também o primeiro post, clicando aqui.
No próximo post, um roteiro de carro desde Paris para visitar a Casa Monet e muito mais 😉

Veja todos nossos posts de PARIS

Busque e reserve seu hotel em PARIS, clicando aqui. Assim você conseguirá ótimos preços, poderá cancelar sem taxas sua reserva (excepto em alguns casos quando se tratam de promoções!) e ainda ajudará a manter atualizado este blog. Obrigada

Lembre que o seguro de viagem é obrigatório para entrar na maioria dos países. Fora que qualquer problema lá fora pode te custar uma fortuna! A gente facilita as coisas, nosso parceiro Real Seguros, orça teu pedido em diferentes seguradoras e encontra a melhor prá você, seja por critério preço ou cobertura, para acessar clique aqui.

Para comprar as entradas dos principais atrativos da cidade, clique aqui, e evite filas de até 2 horas de pé \o/

Siga a gente no Instagram, clicando

Prá quem prefere visitar a Casa com uma excursão:
Casa Monet

Guia Louvre

imagens: turomaquia_2014

9 Comentários

  1. Anaia

    Olá Patricia,
    VC aconselharia esse bate volta apenas para conhecer Giverny? Pergunto pq vamos à Paris a partir de 6/11, então a Casa do Monet estará fechada.????????

    responder
  2. Anaia

    Olá Patricia,
    VC aconselharia esse bate volta apenas para conhecer Giverny? Pergunto pq vamos à Paris a partir de 6/11, então a Casa do Monet estará fechada.????????

    responder
    • Patricia de Camargo

      Anaia, não recomendo, muitos restaurantes e locais fecham junto com a Casa Monet 🙁

      responder
  3. Anaia

    Obrigada Patricia,
    Quero agradecer muito pelo seu blog..estamos em Coimbra há 2 meses, fomos a Lisboa, Sintra, Porto, Aveiro, todas viagens foram planejadas com suas dicas, nos ajudou muito!!
    Vou ter que voltar a Sintra, pois o Palácio da Pena estava em reforma e não consegui ver o Tritão????.
    No Porto, tivemos uma experiência gastronômica no La Ricotta, quando vc voltar lá, tente provar!
    E o próximo destino será Paris ????!!
    O seu guia do Louvre dá pra baixar no Android??
    Gostaríamos muito de visitar a Shakespeare & Co, sabe dizer com qual passeio se encaixa melhor??
    Bjs e obrigada

    responder
  4. Boia Paulista

    Oi, Pat. Tudo bem? 🙂

    Seu post foi selecionado para o #linkódromo, do Viaje na Viagem.
    Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Até mais,
    Boia – Natalie

    responder
    • Patricia de Camargo

      Brigaduuuu Nat 🙂

      responder
  5. Vivian Campanelli

    Arrasou no post Patrícia!

    Também já postei este passeio no Destinos e Receita! Não me canso de recomendar Giverny para quem vai pra Paris, é tipo estar nos quadros de Monet! Delícia de texto!

    Excelente dica mais uma vez!

    responder
  6. Flavia Lapa

    Oi Patrícia!

    Você acha que vale a pena ir no finalzinho do período de abertura, nos últimos dias de outubro? Ouvi dizer que não tem mais flores…
    Você sabe se o Paris Museum Pass inclui a Casa Monet?

    Obrigada!

    responder
    • Patricia de Camargo

      Flavia, eu fui no verão (em agosto) e estava deslumbrante. Mas sinceramente o lugar é tão legal que eu acho que sim vale a visita 🙂 O Paris Museum Pass não inclui a Casa Monet, mas a entrada é barata.

      Se você decidir ir, na volta passa aqui para me contar como foi! E como vai Paris talvez lhe interesse nosso Guia: https://turomaquia.com/guia-do-museu-do-louvre-o-essencial-do-louvre/

      Um abraço

      responder

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Pessoas, pessoas, pessoas ... mesmo num mundo polarizado, são os encontros que marcam nossa existência, enfim que nos fazem felizes. Hoje graças a minha amiga Leidinara do @curitidoce conheci a Kitsten do @travelandabroad que me fez essa foto, que revela como eu sou em dias em que os encontros deixam minha alma leve, leve ... Brigaduuuu Kitsten e Lola 🥰

#fotografamadrid #madri #museoreinasofia #photoshoot #hapiness
  • Olha a quantidade de pássaros no lago do  Parque del Retiro 😱

O clima está meio maluco. Choveu, fez sol, frio, nem tanto, tá parecendo Curitiba 😂

#parquedelretiromadrid #madridlovers❤️ #roteiromadri
  • Você está participando do #lendoarte2020? Se está, tenho uma baita novidade, a criação de um guia de leitura. Como o livro do Will Gompertz não traz muitas imagens, vou colocar nesse guia, as imagens das obras citadas e material extra para quem tiver a fim de saber mais sobre o tema tratado a cada capítulo. ⁣
⁣
O post está no www.turomaquia.com (coloque o link na bio) e nele pouco a pouco vão aparecer todos os capítulos. Hoje já pode consultar o material do capítulo1, mas até o final da semana, nesse mesmo link terão à disposição as imagens dos capítulos 2 e 3. Curtiu a ideia? Tem alguma sugestão de outras coisas que gostaria de ver nesse "Guia de Leitura do Isso é Arte"?⁣
⁣
Post: http://bit.ly/isso-e-arte⁣
⁣
#issoearte #willgompertz #historiadaarte #lendoarte #duchamp #elsa #afonte #artemoderna #arteconceitual
  • Me comportei muito bem, olha só o que os Reis trouxeram do Oriente 😜😜😜 #presentesdenatal #livrodemoda #livrodearte #maximhuerta #klimt #pullandbear #itcosmetics
  • O primeiro mangá da Editora Pipoca & Nanquim lançado em 2018. O personagem nos leva pelas salas do Louvre acompanhado por uma de suas divas. É uma edição linda e de grande formato. ⁣
⁣
O que eu achei mais legal foi que o autor fala de alguns artistas que não são aqueles mais buscados pelos turistas. É claro que Da Vinci aparece, mas também um pouco conhecido pelo grande público, Daubigny.⁣
⁣
O livro não se restringe ao Museu do Louvre, o personagem viaja a uma cidade próxima à Paris para se encontrar com outro grande artista ;)⁣
⁣
É uma leitura rápida. Daqueles livros para deixar na mesa da sala e rever os desenhos, bem como para  proporcionar às nossas visitas algo muito mais lindo e interessante do que uma revista de fofocas ;) #desafio1livropormês #livrosdearte #turolivros #mangaartist #louvremuseum #jirotaniguchi #pipocaenanquimeditora
  • Uma alegoria do sonho americano através da saga de uma família imigrante, os Levov. O personagem principal que parece ser e ter tudo, vê pouco a pouco como sua vida desmorona, ou melhor, a visão da perfeição que ele tinha de si mesmo e de todos aqueles que o rodeavam.⁣
⁣
Uma novela que fala sobre nossa humana debilidade em sempre tentar encontrar motivos, razões pelas quais coisas ruins, estranhas, sem sentido, acontecem em nossas vidas. E portanto, também é uma ode (de certa forma) à perda da inocência. ⁣
⁣
Philip Roth ganhou o Prêmio Pulitzer por essa novela  em 1998.⁣
⁣
Li o e-book e curti muito até os 70%, depois achei meio arrastado. Mas ninguém pode dizer que o final não é surpreendente.⁣
⁣
"Viver é entender as pessoas errado, entendê-las errado, errado e errado, para depois, reconsiderando tudo cuidadosamente, entender mais uma vez as pessoas errado. É assim que sabemos que continuamos vivos: estando errados. Talvez a melhor coisa fosse esquecer se estamos certos ou errados a respeitos das pessoas e simplesmente ir vivendo do jeito que der. Mas se você é capaz de fazer isso ... bem, boa sorte".⁣
⁣
"Ele aprendera a pior lição que a vida pode ensinar - que ela não faz sentido. E quando isso acontece, a felicidade nunca mais é espontânea. É artificial e, mesmo então, obtida ao preço de um tenaz alheamento de si mesmo e da própria história".⁣
⁣
"Quem é que está preparado para a tragédia e para o absurdo do sofrimento? Ninguém. A tragédia do homem despreparado para a tragédia - esta é a tragédia do homem comum".⁣
⁣
"O que o estava deixando espantado era como as pessoas pareciam correr para longe de si mesmas, correr para longe da matéria mesma, qualquer que fosse ela, que fizera dessas pessoas aquilo que eram e, assim drenadas de si mesmas, elas se transformavam no tipo de gente de quem, em outros tempos, elas mesmas teriam sentido pena". ▶️ Para comprar ou saber mais, clique no link da bio.

#booklover #philiproth #apastoralamericana #desafioumlivropormes

Follow Me!