Guias de Viagem e Arte

 
 
jul 16 2013

Museu Guggenheim Bilbao – Motor de Transformação

Quando em fevereiro de 1991 a caravana da Fundação Guggenheim desembarcou em Bilbao, ainda não estava tomada decisão de que cidade seria a escolhida para abrigar uma sede do museu na Europa. Neste mesmo ano em maio, enviaram seu consultor Frank Gehry para estudar as opções de lugares onde poderiam instalar o museu em Bilbao, e foi o próprio arquiteto que sugeriu a “ría”. Um terreno abandonado onde antes se erguia uma fábrica de madeira.
Guggenheim Bilbao

Nem imaginava neste momento Frank Gehry que seria responsável por uma verdeira revolução e que o novo Guggenheim seria aclamado como o edifício do século! Outros dois grandes da Arquitetura disputaram com ele o projeto, Isozaki e a Cooperativa Himmelb(I)au. A filosofia de Gehry ganhou. Sua idéia para o solar não era simplesmente construir um edifício, mas sim um grande objeto escultórico com janelas. Pura poesia, ou poesia gigantesca de titânio!
Guggenheim Bilbao

Tentou deste o início que a cidade se visse refletida na obra. Inspirou-se no mar, na tradição naval de Bilbao. Seu objeto é um navio que atraca no Nervión, revestido por um material que nos fizesse recordar o passado siderúrgico e metalúrgico da região.

Para integrar a enorme Ponte La Salve ao projeto construiu a Torre. Sugere a proa de um navio, e tem função estética e de união do que já estava com aquilo que chega, o novo. Aliás, ao final a ponte fica fofíssima nas fotos panorâmica dos museu tiradas das margens do rio, e também serve como um mirante incrível para ver a obra desde cima.
Guggenheim Bilbao
Guggenheim Bilbao
Guggenheim Bilbao

Complicado não sentar nos parques que margeiam o Nervión e ficar ao menos 10 minutos admirando esta baita escultura. Como também é complicado não tirar quase uma centena de fotos do edifício. Mas não se engane pensando que toda a surpresa está do lado de fora. Por favor, não deixe de entrar no museu, mas sobre isso a gente fala nos próximos posts 😉

Planejando sua viagem para a Espanha

Veja todos nossos posts de: Madri | Barcelona | Bilbao | Ilhas Canárias| Sevilha | Córdoba

Planejamento ViagemBusque e reserve seu HOTEL em: SANTILLANA DEL MARMADRI | BARCELONA | BILBAO | OVIEDO | SANTIAGO DE COMPOSTELA | LANZAROTE | FUERTEVENTURA | SEVILHA | CÓRDOBA | GRANADA. Assim você conseguirá ótimos preços, poderá cancelar sem taxas sua reserva (excepto em alguns casos quando se tratam de promoções!) e ainda ajudará a manter atualizado este blog. Obrigada

Planejamento ViagemLembre que o seguro de viagem é obrigatório para entrar na maioria dos países europeus. Fora que, qualquer problema por lá pode te custar uma fortuna! A gente facilita as coisas, nosso parceiro Real Seguros, orça teu pedido em diferentes seguradoras e encontra a melhor prá você, seja por critério preço ou cobertura, para acessar clique aqui.

O que fazer em Barcelona - Guia (ebook)
Madri - Guia do Prado

Postado por Patricia de Camargo | Marcadores:

4 Comentários

  1. Jr Caimi

    Caraca!!! Que incrível este museu… lindão!!!

    responder
  2. v

    Simplesmente sensacional!

    responder
  3. Andrea

    Olá! Vc indicaria um guia de turismo/artes para esse museu?
    Obrigada por suas narrativas. Sempre nos ajudam ao montar nosso roteiro de viagem.

    responder
    • Patricia de Camargo

      Andrea, um guia que fale português?

      responder

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Publiquei a última parte do guia de leitura desse mês. Lembre que nosso bate-papo sobre ele vai rolar no dia 27 de fevereiro às 19:30 horas no YouTube - Patricia de Camargo. Ah, é o guia vc encontra no www.turomaquia.com 🤓

#lendoarte #seurat #nationalgalleryoflondon #pontilhismo #historiadaarte #artemoderna #issoearte
  • Sentados no chão do café da Galeria degli Uffizi tomando um aperol spritz após a visita. E você acha que a gente tá com cara de infeliz?! 😂😂 Esse é um baita museu, mas que tem um café minúsculo, então não tivemos muita alternativa e estávamos mortos depois de 6 horas entre obras 🤷🏽‍♀️ Qual foi o café ou restaurante que você mais curtiu dentro de um museu?

#galeriadegliuffizi #firenzelovers #artmuseum #museu #italyart
  • Mostro pouco minha cidade por aqui. Mas uma das minhas resoluções de ano novo é resolver essa pendência 🥳 
#laspalmasdegrancanaria #vegueta #grancanarialovers🖤 #canaryislands
  • Dica Londres: vai para a cidade até 15 de março? Visite a exposição temporária de Dora Maar no Tate Modern. ⁣
⁣
Está simplesmente maravilhosa. Perfeita para você entender como ela passou de atuar como fotógrafa para grandes revistas de moda a ser uma dos bastiões do surrealismo. É claro que falam da sua relação com o Picasso, mas fiquei sabendo lá que ela além de fotografar todo o processo de desenvolvimento do Guernica, também deu algumas pinceladas no quadro e que Picasso se inspirou em uma de suas obras para colocar aquela lâmpada olho no quadro que virou símbolo da luta contra a guerra.⁣
⁣
Para entrar na coleção do Tate você não paga nada, mas as exposições temporárias são pagas. Essa custa 13 libras e vale cada centavo! Evite os finais de semana quando os londrinos também vão em massa ao museu.⁣
⁣
#doramaar #tatemodern #londresmuseu #oqueveremlondres #exposiçoesquevalemapena #artemoderna #historiadaarte #surrealismo
  • Dica de Londres: Sky Garden - Vista bacanuda e gratuita. Numa cidade em que a maioria dos mirantes são caros, é quase uma dádiva ;) ⁣
⁣
O Sky Garden fica na City of London e para subir basta com reservar pelo site: https://skygarden.london/booking ⁣
⁣
Como tem uma varanda aberta, no inverno faz frio lá em cima, por isso vá preparada(o)!⁣
⁣
Hoje por exemplo, dia 03/02 já estão abertas as reservas até 1/03. Lá em cima dá para comer alguma coisa, beber um drink. Abre de segunda a sexta das 10:00 às 18:00 horas. Nos finais de semana e feriados, das 11:00 às 21:00 horas.⁣
⁣
#skygardenlondon #mirantelondres #londresdesdecima #londonlovers #londonviews
  • Dica de Londres: na real essa dica quem me deu foi a clarissa do @dondeandoporlondres. Estava fazendo umas pesquisas em Londres e ela me disse que devia ir a Guildhall Art Gallery. Sai do Sky Garden e fui caminhando até o centro administrativo da City of London. O lugar em si já tem uma atmosfera difícil de explicar. Mas vamos lá, você vem andando entre arranha-céus, passa por edifícios neoclássicos da Justiça e de repente entra numa espécie de praça com um chão lindo e edifícios que te abraçam na sua escala. Ou seja, são grandes, mas depois de passar pela selva de pedra, parecem casas, se é que você me entende ;)⁣
⁣
Como todos os grandes museus londrinos, a entrada é gratuita. Exceto, quando abriga exposições temporárias. Primeira surpresa: os restos arqueológicos da cidade romana: Londinium, construída no século 1 d.C. e que chegou a ter entre 20.000 e 30.000 habitantes. No subsolo do Guidhall Art Gallery poderá ver alguns dos restos arqueológicos numa montagem prá lá de didática.⁣
⁣
As salas da galeria abrigam pintura vitoriana, ou seja, produzida entre 1837 e 1901, durante o reinado da Rainha Vitória. São vários estilos, pois essa denominação é temporal. As pinturas estão divididas por tema que te mostram como era a sociedade da época. ⁣
⁣
Assisti parte de um tour gratuito e se você tem um inglês intermediário, acho que valeria a pena dar uma olhada se no horário da sua visita não tem nenhum acontecendo. ⁣
⁣
Uma das peças-estrela do museu é "La Ghirlandata", pintura pré-rafaelita de Dante Gabriel Rossetti. Mas que infelizmente está sendo restaurada nesse momento. Mas mesmo assim, vale a pena a visita. Calcule entre 30 minutos e 1 hora para a visita. ⁣
⁣
#guidhallartgallery #londonmuseum #londonlovers #prerafaelita #pinturavitoriana #artlondon

Follow Me!