Guias de Viagem e Arte

 
 
ago 05 2012

O museu dos grandes do renascimento e do barroco em Berlim – Gemäldegalerie

Para quem não curte museu cheio, e é apaixonado por Renascimento e Barroco, acaba de encontrar um museu em Berlim para chamar de seu 🙂 – Gemaldegalerie. Coleção de primeiríssima qualidade, num ambiente super sereno. Estive vários minutos sozinha em muitas das salas.
Gemaldegalerie - Museu Berlim

Como a grande maioria dos grandes museus de arte europeus, seu acervo tem bases reais. Neste caso, da coleção do Rei Frederico, o Grande. Abre suas portas em 1830, muda de lugar e se incorporam novos trabalhos, até que ganha sua sede atual em 1998, dentro do gigantesco complexo – Kulturforum.

Gemaldegalerie – O que não devo perder

Aqui estão expostas obras da arte ocidental do século 13 ao 18. As obras estão divididas de forma cronológica e por escolas, mais didático: impossível! 🙂

O que não me perderia por nada deste mundo. Os melhores pré-renascentistas como Bosch (já que há poucas oportunidades de ver suas obras) e o homem que teria dado o “pistoletazo” de saída para o Renascimento – Giotto.
Gemaldegalerie - Museu Berlim
Gemaldegalerie - Museu Berlim

O Renascimento mais retumbante está presente por aqui com obras de Boticelli. Depois da Ufizzi acredito que seja o museu com mais obras do artista. A delicadeza da construção da figura feminina vale algumas babadas!
Gemaldegalerie - Museu Berlim Gemaldegalerie - Museu Berlim

Mas também tem Rafael Sanzio. Chegou a hora de cair de boca no barroco de Caravaggio, e numa seleção digna de medalha de ouro do barroco do norte, com representantes como Vermeer, Rembrandt e Rubens.
Gemaldegalerie - Museu Berlim
Gemaldegalerie - Museu Berlim
Gemaldegalerie - Museu Berlim

Seguindo este percurso: Bosch – Giotto – Boticelli – Rafael – Rembrandt – Rubens – Vermeer, vai precisar de 1 hora para encher de alegria teu corpo.

Gemaldegalerie – Quando ir

Fecha apenas na segunda-feira. De terça a domingo funciona das 10:00 às 18:00 horas, e na quinta faz serão até às 22:00 horas.

Gemaldegalerie – Como chegar

Está do ladinho do Tiergaten e a 450 metros do Sony Center, dentro do Kulturforum. Se quiser utilizar o transporte público, o metrô e o trem vão te deixar justamente no lugar que abriga o Sony Center, a Potsdamer Platz.
kulturforum-vista-aerea

Para ir de:
U-Bahn U2 (Potsdamer Platz)
S-Bahn S1, S2, S25 (Potsdamer Platz)
Ônibus: M29 (Potsdamer Brücke); M41 (Potsdamer Platz Bhf / Voßstraße); M48, M85 (Kulturforum); 200 (Philharmonie).

Gemaldegalerie – Quanto custa

A entrada geral custa 8€, a reduzida 4€. Pode ser comprada, por exemplo, por estudantes. Menores de 18 anos tem entrada gratuita.

Gemaldegalerie – Aceita algum passe

Um dos melhores passes europeus, o Museum Pass Berlin.

Gemaldegalerie – Que serviços oferece

O Kulturforum oferece um grande número de serviços, entre eles: guarda-volumes, café e livraria. Na frente da entrada principal uma espécie de lanchonete-café oferece lanches e bebidinhas. Provei uma deliciosa quichê.
Gemaldegalerie - Museu Berlim

Gemaldegalerie – Pode fotografar

PODE 🙂 sem flash!

End.: Matthäikirchplatz – Kulturforum
Tel.: 030 – 266 42 42 42
Site: http://www.smb.museum/smb/standorte/index.php?lang=en&p=2&objID=35

Veja todos nossos posts de BERLIM

Busque e reserve seu hotel em Berlim, clicando aqui. Assim você conseguirá ótimos preços, poderá cancelar sem taxas sua reserva (excepto em alguns casos quando se tratam de promoções!) e ainda ajudará a manter atualizado este blog. Obrigada

Nem pense em viajar sem seguro, a gente facilita as coisas te oferecendo um desconto de 15% \o/ Clique aqui, e para ganhar o desconto neste 2016, coloque o código: AFILI2016. Para ver os descontos em outros anos, clique aqui

Escape das filas, compre antes da viagem e em português, as entradas para os principais ATRATIVOS DE BERLIM, clicando aqui.

Posts relacionados:
Ilha dos Museus em Berlim
Museum Pass Berlim – Vale a pena?
Museu de Pérgamo – Guia Prático (F.A.Q.)
Museu da Nefertiti – um pouco da história do edifício
Neues Museum em Berlim, para ir antes de morrer 😉
Bode Museum – museu do quê?
Hamburger Banhhof – Arte Contemporânea da boa em Berlim!

fotos: turomaquia_2010
Imagem Kulturforum: site oficial

4 Comentários

  1. helo

    Adorei Pat! Que dica preciosa. Agora preciso voltar a Berlim, urgente!

    responder
  2. Wanessa

    Eu passei rapidinho pela Gemaldegalerie quando estive em Berlim (fui achando que era um dia em que abria até mais tarde, mas estava enganada…) e foi uma ótima surpresa. Na época, eu tinha acabado de ter umas aulas de história da arte e minha impressão sobre a pintura do início do renascimento tinha mudado muito. Antes, eu achava as obras muito “primárias”, mas, depois de conhecer mais sobre a evolução da pintura, esses artistas ganharam a minha admiração. Adorei ver algumas obras ao vivo. Da próxima vez que for a Berlim, com certeza voltarei para uma visita com toda a calma que a Gemaldegalerie merece!

    responder
  3. Bóia Paulista

    Oi, Pat! Tudo bem? 😉

    Seu post foi selecionado para a #Viajosfera, do Viaje na Viagem. Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Beijos,
    Natalie – Boia Paulista

    responder
    • Patricia de Camargo

      Oi Naty, a equipe do Turo adora ser selecionada para a Viajosfera, valeuuuuuu
      Beijos

      responder

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Pelas ruas de Madri 💁🏽‍♀️ #street_photography #madrilovers #madrid🇪🇸 #espana🇪🇸
  • Desfrutando de uma visão 360 graus de Madri, onde? No nosso hotel. Para descobri-lo, clique no link da bio 💁🏽‍♀️ #viewmadrid #madrilovers #espanha🇪🇸 #hotelcomvistas
  • Depois de ver a série sobre Chernobyl na HBO, decidi comprar o livro da bielorussa e ganhadora do Nobel da Literatura, Svetlana Alexiévich. 🌟Madre mía, que livro. Para quem assistiu a mini série, a história do bombeiro e sua esposa é uma das que aparece nesse conjunto de entrevistas que pouco a pouco conformam diante de nossos olhos a história das pessoas invisíveis e muitas delas “desaparecidas” graças ao acidente de Chernobyl.

Essas vozes vão desenhando o que verdadeiramente aconteceu naquele 26 de abril de 1986 e nos meses subsequentes. E no fundo, vamos compreendendo como se forjou o caráter soviético resignado de entregar à própria vida ao Estado.

Entramos na vida de pessoas que de crianças sofreram com o Cerco a Leningrado (atual São Petersburgo) e que por ironia do destino hoje vivem na enorme área afetada pelo desastre. ➡️ Mas que vivem, sobrevivem vendo crianças que sucumbem aos mais diversos tipos de câncer, mulheres e homens que não podem ter filhos e um desalento que lhes leva a viver de glórias  e tempos passados. Porque além do desastre, das casas que deixaram, dos seres amados que perderam, também viram como seu mundo inteiro desabava com a quebra do bloco soviético.

A escrita de Svetlana é brilhante e como o outro livro que comentei “Pátria”, devia ser outra leitura obrigatória no Ensino Médio. Daqueles livros que fazem com que saímos da zona de conforto do nosso próprio umbigo, porque nos revela um sofrimento que dificilmente quaisquer de nós poderia suportar. Uma zona do mundo onde reina a desesperança. (Link da edição em português na bio)

#chernobyl #svetlanaalexievich #turolivros #oqueler  #vozesdetchernobil #desafioumlivropormês #books📚
  • Nem só do mosteiro vive Alcobaça. Dá uma olhada nas primeiras fotos 🤪 Preparei um guia completo para você desfrutar muito da cidade e do seu Patrimônio Mundial da Humanidade. Link na bio 👈🏽 #alcobaca #portugalovers #foodlovers #ondecomeremportugal #centrodeportugal #restauranteportugal #patrimoniomundialdelahumanidad
  • A Grécia 🇬🇷 nos faz felizes 💙 Qual lugar enche tua alma de felicidade, carrega tuas pilhas?

#greecelovers #grecia #creta #happymoment #travel_captures
  • Coisas que só a Grécia faz por você! Não é só o por do sol claro 🤪 É ver no mesmo dia sítios arqueológicos, praias de águas cristalinas com tumbas romanas, cidades históricas e restaurantes de beira de estrada incríveis. E terminar a jornada com este panorama 💙🧡 Tudo isso é mais você pode ver no post sobre nossas 24 horas de carro em Creta. O link está na bio 👀

Você conhece Creta? Qual é teu lugar favorito dessa ilha?

#creta #rethymnon #greecelovers❤️🇬🇷 #roteirodecarro #grecia

Follow Me!