Guias de Viagem e Arte

 
 
set 03 2008

O que fazer em Valencia

Vamos supor que você passe um final de semana em Valencia, e se está perguntando aonde ir, eu te recomendaria o seguinte roteiro por Valencia em 48 horas!

Para entender melhor a cidade, nada melhor que começar no sábado no Centro Histórico da Cidade. Primeira parada: sítio arqueológico L´Almoina. Este museu e centro de interpretação mostra vários aspectos da história da cidade desde II a.C. até o século XIV. Você poderá ver o esqueleto de um soldado romano que foi torturado no ano 75 a.C., quando Valencia foi saqueada pelas tropas de Pompeu. As disputas entre Pompeu e Sertorio arrasaram com a cidade que foi abandonada até a época do Imperador Otávio (20 – 15 a.C.) quando foi repovoada. Nesta época se constrói o porto fluvial que estava situado aonde hoje se encontram as Torres de Serranos, que você poderá ver quando suba na torre da Catedral ou até visitá-las no final da tarde!
catedral_plaza_almoina_valencia
Sítio Arqueológico L´Almoina
Plaza Decimo Junio Bruto s/n – 962 084173
Horário: de 15/03 a 15/10 de terça a sábado das 10:00 às 19:00 horas; domingos e feriados das 10:00 às 15:00 horas. De 16/10 a 14/03 de terça a sábado das 10:00 às 18:00 horas; domingos e feriados das 10:00 às 15:00 horas.
Entrada: 2€ (as visitas são guiadas)
Valencia

Saia da Almoina e dê a volta ao redor da Catedral, aprecie as três portas e os diferentes estilos de construção. Depois suba à torre, assim você entenderá melhor a cidade através de uma visão panorâmica.
Valencia - O que fazer em Valencia Valencia - O que fazer em Valencia

Durante o século de ouro de Valencia, foi construída a Lonja, que em 1996 foi declarada Patrimônio da Humanidade, que é nossa próxima parada! E antes de parar para almoçar, que tal uma última parada no mercado, que é considerado um dos maiores de Europa.
Valencia - O que fazer em Valencia Valencia - O que fazer em Valencia

Como estamos indo mais ou menos em linha histórica, depois de almoçar nos dirigimos ao edifício barroco – Palacio del Marques de Dos Aguas. O edifício vale a pena porque é IMPRESSIONANTE. Você pode até imaginar, mas quando está cara a cara com esta construção, não tem como não babar! Atualmente alberga o Museu Nacional de Cerâmica.
Palácio Marques de Dos Aguas
Calle Poeta Querol, 2
Valencia - O que fazer em Valencia Valencia - O que fazer em Valencia

Daqui você teria várias opções, se gosta de arte moderna e contemporânea, ir ao IVAM. O IVAM é um museu de referência em Espanha, para saber quais exposições temporais alberga o museu no momento de sua visita, clique aqui

Ou quem sabe você gostaria de ver as antigas murallas e uma das entradas da cidade, então vá a Torres de Serrano. Ou ainda você quer ver o mar e curtir um pôr-do-sol escutando música chill-out e tomando uma cava? Então se dirija até o Port America´s Cup, junto ao Edifício Veles e Vents e pegue um barco a vela. O preço do passeio é de 20€ para adultos e crianças de 4 a 10 anos pagam 10€. Inclui cava e explicação sobre as partes do barco e manobras de vela. Se optar por este passeio chame ao 963-816066 e reserve!
catedral_Torre_serranos_Valencia1

No domingo, chegue um pouco antes das 10:00 à Cidade das Artes e das Ciências, e vá diretamente ao Oceanográfico. O mínimo que se leva na visita são cerca de 4 horas, coma por aí mesmo, ou se preferir atravesse a rua e vá ao shopping em frente. As lojas estarão fechadas, somente estará aberta a parte de alimentação. O comércio espanhol abre poucos domingos durante o ano! Depois do almoço, vá ao IMAX e escolha um dos filmes para aproveitar a super tela deste complexo, e se ainda tiver tempo entre no Museu de Ciências, ou alugue uma bici e ande pelo complexo e arrededores!
DSC_0254

Quer receber mais dicas de viagem?
Então curta nossa página no Facebook, clicando aqui.
Siga o nosso Twitter @turomaquia.
Veja nossas fotos no Instagram – Turomaquia.

8 Comentários

  1. Claudia Pimenta

    oi patricia! estou anotando tudo… já estou apaixonada pela cidade sem conhecê-la! bjs, querida!

    responder
  2. maria fernanda

    Boas dicas! Adorei.

    responder
    • Patricia de Camargo

      Maria Fernanda, brigaduuu pelo feedback

      responder
  3. Michele

    Estou cada vez mais encantada com esse blog!
    Além de belas fotos, as informações são super precisas e úteis!
    Pra minha sorte, disporei exatamente de um final de semana para conhecer Valência… Seguirei à risca as sugestões! Obrigada!!!

    responder
  4. Joedineia

    Olá Patrícia!
    Muito interessante seu blog, ótimas dicas. Estou com uma viagem programada para Valência em Novembro e gostaria que você desse alguma dica para as noites em Valência. Vou ficar um dia e uma noite na cidade. O que você sugere?

    responder
    • Patricia de Camargo

      Joedineia, a noite depende muito do dia da semana, mas pode ser bem legal comer na orla da cidade, ou jantar no Restaurante Submarino do Oceanográficos, para o qual é imprescindível fazer reserva. Vc viu se ñ tem nada legal no teatro da Cidade das Artes e da Ciência nesta noite?

      responder
  5. Bets

    Patricia,

    Obrigada por tantas dicas legais! Estou amando o seu blog!

    Você conhece o centro comercial Bonaire, em Valencia?
    Eu vou fazer uma “imersão” nesta cidade linda durante 2 semanas, em agosto.
    Você recomenda ir neste “outlet” direto do aeroporto, com mala e tudo, já que é perto, ou é melhor ir com calma?

    Obrigada desde já!
    Bjs
    Bets

    responder
    • Patricia de Camargo

      Bets, infelizmente não conheço este shopping 🙁

      Um abraço

      responder

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Pessoas, pessoas, pessoas ... mesmo num mundo polarizado, são os encontros que marcam nossa existência, enfim que nos fazem felizes. Hoje graças a minha amiga Leidinara do @curitidoce conheci a Kitsten do @travelandabroad que me fez essa foto, que revela como eu sou em dias em que os encontros deixam minha alma leve, leve ... Brigaduuuu Kitsten e Lola 🥰

#fotografamadrid #madri #museoreinasofia #photoshoot #hapiness
  • Olha a quantidade de pássaros no lago do  Parque del Retiro 😱

O clima está meio maluco. Choveu, fez sol, frio, nem tanto, tá parecendo Curitiba 😂

#parquedelretiromadrid #madridlovers❤️ #roteiromadri
  • Você está participando do #lendoarte2020? Se está, tenho uma baita novidade, a criação de um guia de leitura. Como o livro do Will Gompertz não traz muitas imagens, vou colocar nesse guia, as imagens das obras citadas e material extra para quem tiver a fim de saber mais sobre o tema tratado a cada capítulo. ⁣
⁣
O post está no www.turomaquia.com (coloque o link na bio) e nele pouco a pouco vão aparecer todos os capítulos. Hoje já pode consultar o material do capítulo1, mas até o final da semana, nesse mesmo link terão à disposição as imagens dos capítulos 2 e 3. Curtiu a ideia? Tem alguma sugestão de outras coisas que gostaria de ver nesse "Guia de Leitura do Isso é Arte"?⁣
⁣
Post: http://bit.ly/isso-e-arte⁣
⁣
#issoearte #willgompertz #historiadaarte #lendoarte #duchamp #elsa #afonte #artemoderna #arteconceitual
  • Me comportei muito bem, olha só o que os Reis trouxeram do Oriente 😜😜😜 #presentesdenatal #livrodemoda #livrodearte #maximhuerta #klimt #pullandbear #itcosmetics
  • O primeiro mangá da Editora Pipoca & Nanquim lançado em 2018. O personagem nos leva pelas salas do Louvre acompanhado por uma de suas divas. É uma edição linda e de grande formato. ⁣
⁣
O que eu achei mais legal foi que o autor fala de alguns artistas que não são aqueles mais buscados pelos turistas. É claro que Da Vinci aparece, mas também um pouco conhecido pelo grande público, Daubigny.⁣
⁣
O livro não se restringe ao Museu do Louvre, o personagem viaja a uma cidade próxima à Paris para se encontrar com outro grande artista ;)⁣
⁣
É uma leitura rápida. Daqueles livros para deixar na mesa da sala e rever os desenhos, bem como para  proporcionar às nossas visitas algo muito mais lindo e interessante do que uma revista de fofocas ;) #desafio1livropormês #livrosdearte #turolivros #mangaartist #louvremuseum #jirotaniguchi #pipocaenanquimeditora
  • Uma alegoria do sonho americano através da saga de uma família imigrante, os Levov. O personagem principal que parece ser e ter tudo, vê pouco a pouco como sua vida desmorona, ou melhor, a visão da perfeição que ele tinha de si mesmo e de todos aqueles que o rodeavam.⁣
⁣
Uma novela que fala sobre nossa humana debilidade em sempre tentar encontrar motivos, razões pelas quais coisas ruins, estranhas, sem sentido, acontecem em nossas vidas. E portanto, também é uma ode (de certa forma) à perda da inocência. ⁣
⁣
Philip Roth ganhou o Prêmio Pulitzer por essa novela  em 1998.⁣
⁣
Li o e-book e curti muito até os 70%, depois achei meio arrastado. Mas ninguém pode dizer que o final não é surpreendente.⁣
⁣
"Viver é entender as pessoas errado, entendê-las errado, errado e errado, para depois, reconsiderando tudo cuidadosamente, entender mais uma vez as pessoas errado. É assim que sabemos que continuamos vivos: estando errados. Talvez a melhor coisa fosse esquecer se estamos certos ou errados a respeitos das pessoas e simplesmente ir vivendo do jeito que der. Mas se você é capaz de fazer isso ... bem, boa sorte".⁣
⁣
"Ele aprendera a pior lição que a vida pode ensinar - que ela não faz sentido. E quando isso acontece, a felicidade nunca mais é espontânea. É artificial e, mesmo então, obtida ao preço de um tenaz alheamento de si mesmo e da própria história".⁣
⁣
"Quem é que está preparado para a tragédia e para o absurdo do sofrimento? Ninguém. A tragédia do homem despreparado para a tragédia - esta é a tragédia do homem comum".⁣
⁣
"O que o estava deixando espantado era como as pessoas pareciam correr para longe de si mesmas, correr para longe da matéria mesma, qualquer que fosse ela, que fizera dessas pessoas aquilo que eram e, assim drenadas de si mesmas, elas se transformavam no tipo de gente de quem, em outros tempos, elas mesmas teriam sentido pena". ▶️ Para comprar ou saber mais, clique no link da bio.

#booklover #philiproth #apastoralamericana #desafioumlivropormes

Follow Me!