Guias de Viagem e Arte

 
 
abr 15 2014

Onde dormir em Bangkok – Centre Point Silom




Minha segunda hospedagem em Bangkok foi no mesmo bairro de Silom, mas desta vez num 4 estrelas da rede Centre Point.

Reserva
Realizei pelo Booking, mas como era uma oferta paguei no ato sem possibilidade de cancelamento e devolução do money. Só dá para fazer isso, se você tem certeza que vai viajar, e eu somaria se o país é politicamente estável. Normalmente, fico atenta a estas ofertas, mas depois do que passou uns meses antes da viagem a Bangkok com as manifestações nas ruas, comecei a pensar duas vezes antes de contratar uma tarifa tão legal, mas que dificulta o cancelamento de uma viagem sem custos.

Com tudo que saía na mídia, eu e a Lu mudamos algumas coisinhas na programação, e como nosso voo no dia 6 para Sukhothai era bem cedinho, resolvemos que era mais prudente dormir perto do aeroporto. Imagina se acontecesse uma manifestação durante a noite e não conseguissemos sair de madrugada para pegar o avião. Então escrevi para o Booking explicando a situação, e pedindo para alterar as datas da reserva sem custo. Pasmem, o hotel aceitou numa boa, mas quem negociou foi o próprio consolidador. Ponto para os dois!

Localização
Excelente, está ao lado do Skytrain, e dos ferries que vão até os templos mais famosos de Bangkok, ao Asiatique e a um bando de outros lugares. Praticamente você não vai precisar de táxi ou de tuk tuk para nada. E eu como não curto stress logístico em viagem, adorei! No skytrain uma placa indica a melhor saída para o hotel, que aliás se vê desde a plataforma do trem. Está do lado de um shopping com Starbucks para os viciados, e de um 7eleven que é a bomba por estas bandas, lá você encontra de tudo, e com um preço ótimo.

Hotel Bangkok – Como foi minha estadia

Cheguei por volta das 8:30, e o atendente que foi super amável disse que se eu quisesse um early check-in era só pagar 50% a mais da diária. Claro que eu não quis, e ele disse que apesar do check-in ser às 14:00 horas, meu quarto estaria disponível a partir das 11:30. Deixei a mala no hotel, e sai pra rua.

O quarto já estava pago, mas tive que deixar uma caução no cartão de crédito no valor de 3000THB. No check-out eles fizeram o cancelamento desta caução e me deram o comprovante correspondente.

O quarto era imenso com vistas ao rio. Mas na minha opinião estava clamando por uma reapassadinha. Por exemplo, a cozinha não tem um super aspecto, não convida a cozinhar 😉 São pequenas coisas, como um risco junto ao móvel da televisão e bocas de fogão precisando de uma limpeza mais detalhada, mas que comprometem, já que se trata de um 4 estrelas! Isso não significa que não curti o hotel. Mas quando se contrata um 4 estrelas, a expectativa é grande. Apesar de tudo, adorei o lugar!
Onde dormir em Bangkok

Onde dormir em Bangkok
O banheiro acompanhava o quarto em “grande formato”. Para que você faça uma idéia tinha uma ducha enorme e uma banheira em lados opostos.
Hotel Bangkok | Hotel Centre Silom Hotel Bangkok | Hotel Centre Silom
Hotel Bangkok | Hotel Centre Silom
Agora quer saber a parte mais impressionante do quarto? A vista para o Rio Chao Phraya \o/
Onde dormir em Bangkok
O café da manhã junto à piscina e ao skyline de Bangkok era espetacular. Um brunch diário, com excelente atendimento de mesa. Se é para ser chata, a única coisa mediana de tudo que comi, e olha que provei quase tudo, foi o café. Mas não estava ruim, apenas era do estilo americano, ou seja, aguado.
Hotel Centre Point Silom | Hotel Bangkok
Hotel Centre Point Silom | Hotel Bangkok Hotel Centre Point Silom | Hotel Bangkok
Onde dormir em Bangkok
O sinal wi-fi era gratuito, bastava com pedir uma senha na recepção, e era ótimo em todo o hotel. Inclusive no quarto, subi videos e fotos sem nenhum problema. Uma mesa de trabalho no quarto funcionava como paraíso para aqueles que precisam trabalhar até nas férias 🙁

O pessoal da recepção era muito amável, e o lobby do hotel era lindíssimo, o chamado luxo asiático. E o Centre Silom fica a um pulinho do bar mais cobiçada da cidade, o Sirocco ( no último andar do Hotel Lebua). Aquele que apareceu no filme “Se beber, não case”.

Hotel Bangkok – Relação custo x benefício

Excelente. Paguei THB 8976 por 3 diárias em quarto duplo com café-da-manhã, numa região de Bangkok perfeita para turistar. Que seriam U$ 278,11 (U$ 92,70/noite) ou R$ 616,91, sendo R$ 205,63/noite e R$ 102,81 por pessoa. Recomendo e voltaria a me hospedar no Centre Silom.
centre-point-silom
Para reservar clique aqui.

Veja todos nossos posts da TAILÂNDIA

Busque e reserve outro hotel em BANGKOK, clicando aqui. Assim você conseguirá ótimos preços, poderá cancelar sem taxas sua reserva (excepto em alguns casos quando se tratam de promoções!) e ainda ajudará a manter atualizado este blog. Obrigada

Lembre que o seguro de viagem é obrigatório para entrar na maioria dos países. Fora que, qualquer problema lá fora pode te custar uma fortuna! A gente facilita as coisas, nosso parceiro Real Seguros, orça teu pedido em diferentes seguradoras e encontra a melhor prá você, seja por critério preço ou cobertura, para acessar clique aqui.

Prove abaixo …

Veja como era o outro hotel em que me hospedei em Bangkok:
Hotel BBB em Bangkok – Bossotel

fotos: turomaquia_2014

Nenhum Comentário

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Dica Londres: caminhada recomendada inclusive para sedentários 😂 1,3 km entre o Southbank Centre a Tate Modern junto às margens do rio. Essas imagens são de janeiro, imagina num dia lindo de sol e com um calorzinho?!⁣
⁣
Almocei com a @helorighetto no Ping Pong do Southbank e de lá fui sozinha demoradamente até essa meca da arte moderna e contemporânea. lembrando que a entrada no museu é gratuita, exceto para as exposições temporárias. Mas sempre sugiro uma doação por mínima que seja, já que a união faz a força e manter um centro de arte como esse é caro prá dedéu.⁣
⁣
E aí, qual é tua caminhada favorita em Londres? É apta para todas as idades? Conta prá mim na caixa de comentários 😘⁣
⁣
#londonlovers #caminhadaLondres #oquefazeremLondres #turoLondres #mapadelondres
  • Paguei 60 libras a diária nesse hotel localizado do lado da Abadia de Westminster #londonlovers #hotelbbblondon #hotellondres
  • Publiquei a última parte do guia de leitura desse mês. Lembre que nosso bate-papo sobre ele vai rolar no dia 27 de fevereiro às 19:30 horas no YouTube - Patricia de Camargo. Ah, é o guia vc encontra no www.turomaquia.com 🤓

#lendoarte #seurat #nationalgalleryoflondon #pontilhismo #historiadaarte #artemoderna #issoearte
  • Sentados no chão do café da Galeria degli Uffizi tomando um aperol spritz após a visita. E você acha que a gente tá com cara de infeliz?! 😂😂 Esse é um baita museu, mas que tem um café minúsculo, então não tivemos muita alternativa e estávamos mortos depois de 6 horas entre obras 🤷🏽‍♀️ Qual foi o café ou restaurante que você mais curtiu dentro de um museu?

#galeriadegliuffizi #firenzelovers #artmuseum #museu #italyart
  • Mostro pouco minha cidade por aqui. Mas uma das minhas resoluções de ano novo é resolver essa pendência 🥳 
#laspalmasdegrancanaria #vegueta #grancanarialovers🖤 #canaryislands
  • Dica Londres: vai para a cidade até 15 de março? Visite a exposição temporária de Dora Maar no Tate Modern. ⁣
⁣
Está simplesmente maravilhosa. Perfeita para você entender como ela passou de atuar como fotógrafa para grandes revistas de moda a ser uma dos bastiões do surrealismo. É claro que falam da sua relação com o Picasso, mas fiquei sabendo lá que ela além de fotografar todo o processo de desenvolvimento do Guernica, também deu algumas pinceladas no quadro e que Picasso se inspirou em uma de suas obras para colocar aquela lâmpada olho no quadro que virou símbolo da luta contra a guerra.⁣
⁣
Para entrar na coleção do Tate você não paga nada, mas as exposições temporárias são pagas. Essa custa 13 libras e vale cada centavo! Evite os finais de semana quando os londrinos também vão em massa ao museu.⁣
⁣
#doramaar #tatemodern #londresmuseu #oqueveremlondres #exposiçoesquevalemapena #artemoderna #historiadaarte #surrealismo

Follow Me!