Guias de Viagem e Arte

 
 
nov 07 2016

Paestum | Como visitar os templos mais chocantes da Magna Grécia




Paestum – Loucura, loucura, loucura!
Pele eriçada, não é todo dia que se entra num templo do século V a.C. O milagre da permanência no tempo incita o recolhimento, o pensar fora da caixinha, o pensar além de nós mesmos.

O turismo cultural tem o efeito de reduzir ou suprimir a intolerância, porque nos leva a ver como somos muito mais parecidos do que imaginamos e que tudo é cíclico.

Por isso, é melhor cuidar com o que se fala ou contra quem se rebela, na volta da esquina nosso inimigo pode ser nossa única esperança.

Tudo isso já sabiam os romanos, que preferiam assimilar do que destruir. Quando chegaram a Posedonia nem lhes passou pela cabeça destroçar aqueles 3 templos lindos e inspiradores. Construíram mais edifícios, deixaram as tumbas gregas intocadas, para que em 1968 fossem descobertas para nos deixar de boca aberta.

Quando todos pensavam, que apenas haviam chegado até nós as pinturas gregas dos vasos de cerâmica, se descobrem tumbas totalmente pintadas. Como a “Tumba do Mergulhador” (Tumba del Tuffatore) porque na tampa da tumba se vê esta cena incrivelmente linda de uma pessoa que se tira ao mar, como uma metáfora de passar deste mundo ao outro.
paestum 1
Paestum - os templos mais chocantes da Magna Grécia
Nas laterais, 10 homens que participam de uma espécie de festa. Esta tumba seria de 470 a.C. Um dos únicos exemplos de pintura da Grécia Clássica.

Entre 1969 e 1970 descubriram mais outras 40 tumbas pintadas. Só prá ver estas pinturas, já vale a ida a Paestum. A maioria delas pintadas numa espécie de fresco, ou seja, diretamente sobre as paredes das tumbas entre 340 e 310 a.C.
Paestum - os templos mais chocantes da Magna Grécia
Paestum - os templos mais chocantes da Magna Grécia
Paestum - os templos mais chocantes da Magna Grécia

Paestum – o parque arqueológico

Mas além do museu, você vai andar pelas antigas Posedonia (grega) e Paestum (romana), e dar com os templos mais chocantes e bem preservados da Magna Grécia:
* templo de Atenea ou de Ceres, do século VI a.C., dedicado a Deusa da sabedoria.
* a basílica, de 530 a.C., que pensavam que era um local administrativo (daí o nome), mas agora a teoria mais aceita é que foi templo com duplo culto, Hera e Zeus.
* templo de Netuno, do século V a.C., é um dos edifícios dóricos (capitel, lembra da aula de história?) melhor conservados da Magna Grécia.
Paestum - os templos mais chocantes da Magna Grécia
Paestum - os templos mais chocantes da Magna Grécia
Paestum - os templos mais chocantes da Magna Grécia
Paestum - os templos mais chocantes da Magna Grécia

Estes 3 templos foram redescobertos no século 18. Imagine a surpresa quando excavaram e deram com estas belezuras \o/ Rapidamente os templos foram incorporados ao famoso “Grand Tour”, que “qualquer” pessoa daquela época com um mínimo de cultura (e dinheiro) devia fazer ao menos uma vez em sua vida!

Paestum em gravuras

O artista Piranesi realizou gravuras e desenhos, em total 20 vistas, logo após sua descoberta.
Paestum - Piranesi
Paestum - Piranesi
Paestum - Piranesi

Algumas curiosidades:
* a região da itália colonizada pelos gregos ficou conhecida como “Magna Grécia”:
* a cidade grega foi fundada em 600 a.C.

Paestum – Como chegar

Desde Salerno saem ônibus e trens para Paestum. Mas também é possível pegar o trem desde Nápoles, o trajeto leva entre 1 hora e 10 minutos e 1 hora e 37 minutos. Como são trens regionais, prepare-se para alguns atrasos.

No vídeo mostro como ir desde Salerno e dou várias dicas para desfrutar ainda mais desta visita.

Paestum – Quando ir e quanto custa

O museu e parque arqueológico apenas fecha nos seguintes dias: 1 de janeiro, 1 de maio e 25 de dezembro. Nos demais dias abre das 8:30 às 19:30, com a última entrada às 18:50 horas. Na primeira e na terceira segunda de cada mês, o museu apenas abre das 8:30 às 13:40, com a última entrada às 13:00 horas.

Vale a pena entrar tanto no museu como na parte arqueológica, o bilhete para ambos custa 9€. Não precisa comprar o bilhete com antecedência. Fomos na alta temporada de agosto e a fila era rapidíssima, uns 10 minutos.

Quanto tempo preciso para visitar Paestum?

No mínimo umas 3/ 4 horas entre o museu e o parque arqueológico, para fazer as coisas com calma. Vale a pena investir num pequeno guia que vendem a 5€ ou alugar um audio-guia. Pode fazer toda a diferença entre amar a visita ou apenas passar os olhos por tudo!

Veja onde se hospedar em Salerno

Para almoçar em Paestum

Nós comemos no próprio restaurante do museu, com mesas com vistas aos templos e ao parque arqueológico. As saladas estavam frescas, bem servidas e com ingredientes da região. Não deixe de provar a muçarela de búfala que se produz por aqui. Gastamos com duas saladas, mais uma taça de prosecco e uma cerveja, 24€. Visitamos o museu, almoçamos e daí partimos para o parque arqueológico.
Paestum - os templos mais chocantes da Magna Grécia

Veja todos nossos posts da ITÁLIA

Busque e reserve seu hotel em: NÁPOLES | CAPRI | POSITANO | SALERNO | SORRENTO | AMALFIAssim você conseguirá ótimos preços, poderá cancelar sem taxas sua reserva (excepto em alguns casos quando se tratam de promoções!) e ainda ajudará a manter atualizado este blog. Obrigada

Planejamento ViagemLembre que o seguro de viagem é obrigatório para entrar na maioria dos países europeus. Fora que qualquer problema lá fora pode te custar uma fortuna! A gente facilita as coisas, nosso parceiro Real Seguros, orça teu pedido em diferentes seguradoras e encontra a melhor prá você, seja por critério preço ou cobertura, para acessar clique aqui.

Chamada video 2

  • Giovanni Battista Piranesi, Veduta del tempio di Nettuno a Paestum (1778; incisione, 53 x 72 cm; Napoli, Fondazione Giambattista Vico)

6 Comentários

  1. Angela

    Patrícia, coisa mais linda do mundo seu blog!! Alguém com conhecimento mais aprofundado em arte dando dicas de roteiros é maravilhoso!!! Eu posso te encher o saco um pouquinho com 2 dúvidas, se puder me responder ficarei muito agradecida!! Estou indo em julho agora pra Itália (conheci seu canal pesquisando sobre alguns roteiros) e meu roteiro ficou entre basicamente entre Roma, Florença e Milão, somente, pelo pouco número de dias que ficarei lá (de 8 a 10 dias, ainda não tenho certeza). Estava vendo seus vídeos lindos da Itália e nessa bati com o vídeo sobre Paestum e deu uma reviravolta porque eu *pirei* com o lugar!! Me tire uma dúvida, eu conseguiria fazer um bate e volta de Roma pra Paestum no mesmo dia? Vi que o trem de Roma pra Nápoles leva cerca de 1 hora e meia e você comentou no blog que de Nápoles mais uma 1 hora e meia pra Pasteum, só que pelo que vi o trem pra Paestum é regional e pode atrasar e estou super insegura… Vou com a minha mãe e sabe como é, ela tá empolgada praticamente só pelo Vaticano e vai me infernizar se eu fizer ela passar perrengue hahhaha Você acha que seria muito stress? Se for, terei de dar um jeito de convencê-la a passar pelo menos uma noite na região! – E a segunda dúvida: O sul é perigoso como comentam? Mais que aqui no Brasil não pode ser né? É que indo só com a mãe fico mais insegura, ela é bem distraída, vou ter que cuidar de mim e dela… Se puder me responder, agradeço! Um beijão e muito obrigada por compartilhar tanta informação preciosa!!!!!

    responder
    • Patricia de Camargo

      Angela, deixa eu pensar esta noite e amanhã volto aqui e te respondo!
      Beijos

      responder
    • Patricia de Camargo

      Angela, é meio perrengue este bate e volta desde Roma. Eu não achei perigosa Napoles, mas se estiver insegura pode fazer o seguinte:
      – tente deixar tuas malas em Roma e vá apenas com uma mala de mão diretamente a Salerno;
      – faça Paestum neste dia da chegada, durma por lá e prove uma bela pizza e o sorvete que eu mostro no vídeo, e no dia seguinte antes de voltar a Roma conheça Pompéia, um dos lugares mais alucinantes que eu já visitei;
      – de Pompéia é fácil ir até a estação de Nápoles e voltar a Roma, sem contar que desde Salerno é bem fácil chegar a Pompéia! São apenas 30 minutos de trem.
      O que você acha?

      responder
      • Angela

        Oi Querida! Muito obrigada por responder!
        Já mudei tudo aqui: Vamos ficar pelos menos 2 dias em Nápoles e de lá faremos Paestum, o Vesúvio e Pompeia, o museu de Nápoles…
        Muito obrigada por todas as dicas, foi vendo seus vídeos que me encantei ainda mais! Vai ser incrível!!
        Beijão!!

        responder
  2. EduLuz

    Oi, Patricia. Grato pelos (pra variar) ótimos posts.
    Estamos indo pra Costa Amalfitana, pretendo conhecer Paestum e algum produtor de mozzarella de búfala. Você conhece algum?
    Bjs.

    responder

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • La Duquesita⁣
⁣
É uma das “docerias” mais antigas de Madri. Abriu suas portas em 1914 e ficou apenas 9 meses fechada. Quando todo mundo já dava por perdido esse emblemático lugar, veio Oriol Balaguer e reabriu suas portas.⁣
⁣
Oriol Balaguer é um dos mais famosos “chocolateiros” da Espanha, ou como se diz por aqui, “maestros chocolateros”.⁣
⁣
A loja é linda, mas não é só aparência. Os doces são gostosos e nem preciso falar dos bombons, tendo em vista quem é o dono do estabelecimento 😉⁣
⁣
Ele manteve o doce mais famoso da casa, como não, La Duquesita. Um doce de morango.⁣
⁣
Nessa época se passar pela loja, vale a pena comprar um dos panetones premiados do “chef”. Tem o tradicional, o de chocolate e o gianduia (pasta de chocolate com 30% de pasta de avelãs). E este ano também tem panettone de framboesa!⁣
⁣
#madrilovers #foodmadrid #oriolbalaguer #panettone #panettoneMadrid #doceemmadri #ondecomeremmadri

Fotos próprias e de divulgação.
  • Qual é seu drink favorito?⁣
⁣
Na foto estou com o “pear mule”, o novo drink do @200gramos. Leva vodka, pera, suco de limão e ginger beer.⁣
⁣
Beeeem gostoso!

#drinks🍹 #restaurantelaspalmas #laspalmasdegrancanaria🌴 #grancanaria
  • Paris sera Toujours Paris⁣
⁣
É um guia realmente diferente de Paris. Não vai te ajudar a pegar o metrô ou programar o dia a dia da sua viagem. E mesmo assim é incrível para quem busca compreender a cidade.⁣
⁣
Màxim Huerta nos mostra Paris através de seus personagens como Colette ou Joséphine Baker; de seus ofícios, um exemplo? Os “bouquinistes”, os vendedores de livros das “caixas verdes” das margens do Sena.⁣
⁣
Também fala do croissant, da Torre Eiffel, mas sempre trazendo um dado inusitado, contando uma história, porque afinal Màxim é um grande contador de histórias, já falei de outro livro dele no #turolivros⁣
⁣
O livro é lindo, graças as histórias e as ilustrações de Maria Herreros, que são pura arte.⁣
⁣
Dá para ler com um espanhol intermediário.⁣ Não tem edição em português.
⁣
#parislivro #parisbook #oqueler #bookaddict #turolivros #desafioumlivropormes #bookphotos
  • Bar-restaurante (Achado em Madri)⁣
Não estou exagerando, é realmente um achado em Malasaña. ⁣
⁣
Na verdade é um bar-restaurante com um armazém que vende frios, vermut e outras delícias.⁣
⁣
Típico lugar de bairro, frequentado pelos moradores e que oferece boa comida, excelentes vermuts e um atendimento amável.⁣
⁣
Levei meus pais e eles amaram. No final de semana tem que chegar cedo para sentar porque o local é pequeno. ⁣
⁣
Durante a semana, oferecem um prato do dia por 5,50€. Nós fomos de garbanzo con bacalao. Grão de bico com bacalhau. Na Espanha se prepara o grão de bico como a gente faz feijoada. ⁣
⁣
Se quiser acrescentar ao prato do dia, bebida e pão, o valor sobe a 8€. O pão é mara e o vermut muuuito bom, por isso vale a pena acrescentá-los.⁣
⁣
Para ir com amigos e petiscar, há tábuas de frios, colmadas (sanduíches) e conservas. ⁣
⁣
Veja o cardápio inteiro com preços no site oficial: http://lacolmada.com ⁣
⁣
Destaque: atendimento 5 estrelas.⁣
⁣
#madri #madridlovers #madridfood #restaurantesmadri #restaurantesmadrid #foodphoto #foodporn #foodpic @lacolmada
  • Hotel maravilhoso em Madri⁣ 🔝
Gente do céu, apaixonei por um dos hotéis que testei nessa última viagem para Madri. ⁣
⁣
Na verdade, também gostei de outro, que vou postar mais para frente. ⁣
⁣
Mas voltando a esse 4 estrelas incrível que me hospedei em 2 noites diferentes, uma com minha sogra e outra com meus pais.⁣
⁣
Ocupa um edifício histórico que foi o maior arranha-céu da Espanha na década de 1950. Foi remodelado totalmente pela rede RIU e reabriu nesse último verão.⁣
⁣
Mas o que quero destacar é o atendimento prestado por todo o staff, desde a recepção ao senhor que abre a porta. Passando pela senhora que retira os pratos da mesa no café-da-manhã. De tirar o chapéu!⁣
⁣
Os dois quartos que me hospedei tinham uma vista incrível de Madri, com Palácio Real incluído.⁣
⁣
Os hóspedes tem livre acesso a um dos melhores mirantes da cidade. E ainda conta com um piscina (bem pequena), academia, café da manhã com show cook e uma localização fantástica!⁣
⁣
Para ver preços e outras opiniões, clique no link da bio. Por que estou fazendo dessa forma? Se alguém resolver reservar, recebo uma comissão que não onera para nada meu seguidor, mas que é importantíssima para manter o Turomaquia e o Arte 365 navegando! ⁣
⁣
Desenvolver conteúdo de qualidade é caro e demanda muito tempo. Por isso, pequenos gestos como esse, permitem que os criadores mantenham seu trabalho. Não permita que apenas os conteúdos lixo sobrevivam nessa selva digital! É uma compromisso de todos nós!⁣ Vou mostrar o quarto nos Stories!
⁣
#hotelmadri #ondedormiremmadri #hotelmadricentro #hoteldesign #madrilovers #madrid #mirante
  • ⁣
Palmeritas Original, novidade em Madri.⁣
⁣
O dono de uma das melhores confeitarias de Madri e do melhor croissant de framboesa abriu essa “porta” no coração da Gran Via, praticamente na frente da Primark. ⁣
⁣
O responsável? Alejandro Montes e sua casa insígnia? Mama Framboise. ⁣
⁣
Eu escrevi porta porque está pensado para atender o pessoal na rua. Mas também dá para entrar no hotel Hyatt e saboreá-las desde dentro com um cafezinho quente!⁣
⁣
Loja de um único produto, a palmerita, conhecida no Brasil como palmier ou ainda como orelhas de elefante 😋⁣
⁣
Um doce de massa folhada que Alejandro deu um giro de 180 graus criando 12 sabores diferentes, uma mais legal que o outro. Eu provei a “castiza”, ou seja, a palmerita com mais sabor a Madri que leva geléia de morango, chocolate de amoras e pétalas de violeta cristalizada. ⁣
⁣
Crocante, fresca e de sabores surpreendentes. Meus pais também adoraram. ⁣
⁣
💶 O preço? 1,70€⁣
⁣
⏰ Abre de segunda a quarta-feira das 8:30 às 22:00 horas. Quinta e sexta-feira das 8:30 à meia-noite. No sábado das 9:30 à meia-noite e no domingo das 9:30 às 22:00 horas.⁣
⁣
📫 End.: Calle Gran Vía 31, 28013⁣
⁣
Fotos próprias e de divulgação

Follow Me!