Guias de Viagem e Arte

 
 
nov 21 2011

Roteiro Cultural por São Paulo: por dentro do Brasil e do mundo

Ver arte estimula os sentidos, e, portanto nossa criatividade fica a mil. Para ver arte da boa, não é necessário cruzar o Atlântico ou subir aos States. Basta com programar uma escapada a São Paulo!

Sampa além da cidade da garoa é a cidade do acervo artístico mais impressionante do Brasil. A primeira parada obrigatória: o MASP. Só entrar no prédio da Lina Bo Bardi já é um momentaço.
curiosidade-masp

Agora o que te espera lá dentro, deixa a maioria dos visitantes de boca aberta. A coleção tem os grandes nomes da história da arte ocidental, e agora mesmo se encontram expostas obras de: Picasso, Goya, Renoir, Van Gogh, Velazquéz, Toulouse-Lautrec, Rafael, Delacroix, Turner, Dali, Rodin, Matisse, Cèzanne. E olha que estou colocando apenas alguns dos pesos-pesados!
MASP

Saindo da Paulista, e indo em direção à parte mais antiga da cidade, damos de cara com uma exposição didática que vai te ajudar a entender a arte daqui. A Pinacoteca de São Paulo, outro monstro (no bom sentido!) expõe parte de sua coleção em 11 salas que tratam desde os primórdios da arte no Brasil até a formação de uma arte genuinamente tupiniquim.
pinacoteca-sampa

Depois de 11 meses de reforma, o segundo andar é um livro em 3D da História da Arte Brasileira, mesmo antes de existir uma arte realmente brasileira. Começa com as “fotografias pintadas” pelos artistas viajantes, e que permitem que tenhamos uma idéia de como era a sociedade e a paisagem nos séculos 16 e 17. A viagem pela história acaba no comecinho do século 20, e guarda quadros daqueles para lembrar por toda a vida, como “Saudade”, de Almeida Junior.

Para que o passeio seja super divertido e nada chato, não esqueça um dos mandamentos Turomaquia para se divertir à beça em um museu: Não visitar dois grandes museus no mesmo dia! O melhor é passar 1 ou 2 noites na cidade, e desfrutar da capital como ela se merece. São Paulo tem várias opções de hotéis para reservar, escolha um próximo ao que você pretende visitar, para que possa aproveitar ao máximo sua estadia na cidade.
post-publieditorial
o que tenho de saber antes de ir
MASP
Avenida Paulista, 1578
Tel. (+55 – 11) 3251-5644
Metrô: Trianon-MASP
Tarifa: R$ 15 25,00 (geral)
Estudantes: R$ 7,00 12,00pinacoteca
Gratuito para maiores de 60 anos e menores de 10 anos.
Abre de terça a domingo das 10:00 às 18:00 horas, e na quinta tem serão até às 20:00 horas.

Pinacoteca de São Paulo
Praça da Luz, 2 São Paulo
Tel. 55 11 3324-1000
Metrô: Luz (Em São Paulo as linhas são divididas em cores, portanto, se você estiver na linha verde (Paulista) vá até a Estação Ana Rosa e embarque na linha Azul, sentido Tucuruvi. Se estiver na linha vermelha (Itaquera) vá até a Estação Sé e embarque na linha Azul. A Pinacoteca fica em frente ao metrô Luz).
Tarifa: R$ 3 6,00 (meia – R$ 3,00)
Entrada combinada com a Estação Pinacoteca = R$ 6,00
Sábados – entrada gratuita
Abre de terça a domingo das 10:00 às 18:00 horas

Veja todos nossos posts do BRASIL

Busque e reserve seu hotel em SAMPA . Assim você conseguirá ótimos preços, poderá cancelar sem taxas sua reserva (excepto em alguns casos quando se tratam de promoções!) e ainda ajudará a manter atualizado este blog. Obrigada

Quer ficar sabendo quando saem os próximos posts?
Então curta nossa página no Facebook, clicando aqui.
Siga a gente no Google+
Siga o nosso Twitter @turomaquia.
Veja nossas fotos no Instagram – Turomaquia
Veja nosso dia dia nas Canárias e as viagens em tempo real no Snapchat – Turomaquia. .

8 Comentários

  1. José Luiz

    Estive no Masp pela 1ª vez no começo desse mês e fiquei super impressionado com a qualidade do acervo do museu! Realmente não deixa nada a desejar a grandes museus espalhados pela Europa.

    E o que mais gostei do Masp é que o acervo está organizado de uma forma que leva o visitante a conhecer cada época/estilo de uma forma cronológica que ajuda bastante até àqueles que não possuam um grande conhecimento de arte.

    Além disso, adorei visitar o Museu cheio de gente mas na medida certa que não chegava a incomodar! (apesar que por sorte acabei indo ao Masp numa semana na qual a entrada era gratuita, talvez por isso estivesse mais cheio que o normal).

    O único porém é a mania de não poder tirar fotos… acho que enriqueceria ainda mais as 3 horas que passei por lá! =)

    responder
    • Patricia de Camargo

      José Luiz, outra coisa que eu ñ curto, é não ter uma exposição permanente como todos os grandes museus 😉
      beijos

      responder
      • José Luiz

        O Masp não tem uma exposição permanente??

        Quando fui havia no 1º andar uma exposição temporária sobre Sigmar Polke (confesso que não me agradou muito mas já serviu para eu descobrir que existe a arte chamada realismo capitalista que nunca tinha ouvido falar…)

        Mas no 2º andar eu pensei que fosse o acervo do Masp com sua exposição permanente! Não era exposição permanente o que vi no 2º andar ou acervo e exposição permanente são coisas distintas? 😀

        Bjos!

        responder
        • Patricia de Camargo

          José Luiz, pois é, vc viu o acervo, mas esta expo ñ é permanente. Há 1 ano e meio eu fui, e era outra, com outras obras expostas. Eles mantém a expo do acervo por bastante tempo, mas vc pode indicar para alguém, e a pessoa ir até lá para ver determinada obra e dar com os burros n´água. Para o turismo é super importante a estabilidade, porque as coisas se planificam a médio prazo. Eles deveriam ter algo permanete, como todo grande museu que se preza, e ir rotando algumas peças numa outra sala.
          beijos

          responder
  2. petter

    Olá! Acabei de descobrir o Turomaquia e estou achando o blog excelente, bem no perfil que eu gosto: viagens com arte e história!

    Abraço

    responder
    • Patricia de Camargo

      Seja bem-vindo 🙂
      beijos

      responder
  3. Carmen

    Gostaria muito, muito conhecer o MASP….

    responder
    • Patricia de Camargo

      Carmen, vale a pena, e espero que pronto tem uma geral no prédio, que é histórico.
      beijos

      responder

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Pelas ruas de Madri 💁🏽‍♀️ #street_photography #madrilovers #madrid🇪🇸 #espana🇪🇸
  • Desfrutando de uma visão 360 graus de Madri, onde? No nosso hotel. Para descobri-lo, clique no link da bio 💁🏽‍♀️ #viewmadrid #madrilovers #espanha🇪🇸 #hotelcomvistas
  • Depois de ver a série sobre Chernobyl na HBO, decidi comprar o livro da bielorussa e ganhadora do Nobel da Literatura, Svetlana Alexiévich. 🌟Madre mía, que livro. Para quem assistiu a mini série, a história do bombeiro e sua esposa é uma das que aparece nesse conjunto de entrevistas que pouco a pouco conformam diante de nossos olhos a história das pessoas invisíveis e muitas delas “desaparecidas” graças ao acidente de Chernobyl.

Essas vozes vão desenhando o que verdadeiramente aconteceu naquele 26 de abril de 1986 e nos meses subsequentes. E no fundo, vamos compreendendo como se forjou o caráter soviético resignado de entregar à própria vida ao Estado.

Entramos na vida de pessoas que de crianças sofreram com o Cerco a Leningrado (atual São Petersburgo) e que por ironia do destino hoje vivem na enorme área afetada pelo desastre. ➡️ Mas que vivem, sobrevivem vendo crianças que sucumbem aos mais diversos tipos de câncer, mulheres e homens que não podem ter filhos e um desalento que lhes leva a viver de glórias  e tempos passados. Porque além do desastre, das casas que deixaram, dos seres amados que perderam, também viram como seu mundo inteiro desabava com a quebra do bloco soviético.

A escrita de Svetlana é brilhante e como o outro livro que comentei “Pátria”, devia ser outra leitura obrigatória no Ensino Médio. Daqueles livros que fazem com que saímos da zona de conforto do nosso próprio umbigo, porque nos revela um sofrimento que dificilmente quaisquer de nós poderia suportar. Uma zona do mundo onde reina a desesperança. (Link da edição em português na bio)

#chernobyl #svetlanaalexievich #turolivros #oqueler  #vozesdetchernobil #desafioumlivropormês #books📚
  • Nem só do mosteiro vive Alcobaça. Dá uma olhada nas primeiras fotos 🤪 Preparei um guia completo para você desfrutar muito da cidade e do seu Patrimônio Mundial da Humanidade. Link na bio 👈🏽 #alcobaca #portugalovers #foodlovers #ondecomeremportugal #centrodeportugal #restauranteportugal #patrimoniomundialdelahumanidad
  • A Grécia 🇬🇷 nos faz felizes 💙 Qual lugar enche tua alma de felicidade, carrega tuas pilhas?

#greecelovers #grecia #creta #happymoment #travel_captures
  • Coisas que só a Grécia faz por você! Não é só o por do sol claro 🤪 É ver no mesmo dia sítios arqueológicos, praias de águas cristalinas com tumbas romanas, cidades históricas e restaurantes de beira de estrada incríveis. E terminar a jornada com este panorama 💙🧡 Tudo isso é mais você pode ver no post sobre nossas 24 horas de carro em Creta. O link está na bio 👀

Você conhece Creta? Qual é teu lugar favorito dessa ilha?

#creta #rethymnon #greecelovers❤️🇬🇷 #roteirodecarro #grecia

Follow Me!