Guias de Viagem e Arte

 
 
fev 03 2010

As pastelarias de Lisboa , uma viagem à parte

Uma viagem à parte em Lisboa são suas pastelarias. Uma espécie de lanchonete, e como tais vão desde as super estilosas as mais simples, mas nem por isso, menos deliciosas. Uma excelente opção tanto para almoçar como para tomar um café ou um lanchinho. Abrem pela manhã, algumas fecham às 21:00 e outras estão abertas até de madrugada!

E os preços? Para todos os bolsos. As mais famosas cobram pela fama (é claro, Watson!), mas nem por isso são luxos impossíveis de degustar mesmo em uma viagem econômica. Agora não deixe de sentar-se ao menos em uma, não experimentar este momento, sei lá é como ir ao Brasil e não provar uma caipirinha num bar de música ao vivo!

Nós desfrutamos de algumas e em diferentes horas do dia. Duas delas já comentamos por aqui. A ultra famosa Pastelaria de Belém e a Ponto Azul, onde almoçamos os bitoques.

No dia da nossa chegada entramos na Pastelaria Suiça na Praça dos Restauradores. Por dentro é um pouco antiquada. O serviço, apesar de correto, não chega a ser amável. Entramos passadas as 20:15, e como eles fechavam às 21:00 horas, tivemos a oportunidade nada glamorousa de ver a senhora da limpeza já em plena ação. Achei um pouco desagradável. Eu pedi um prato que era gostosinho, e o Tom pediu algo que resultou ser um ovo estralado com batatas-fritas. Para o que comemos, a conta foi um pouco salgadinha, 19 euros.

Pastelaria Lisboa
Pastelaria Lisboa

Em duas ocasiões fomos na Nicola. Ambiente nota dez, mas fique atento com a conta. Nas duas vezes na nossa conta havia algo que não tínhamos consumido, e presenciei a mesma situação em uma das vezes com uma mesa ao lado. O que mais gostei foi a sopa do dia. No inverno todas as pastelarias servem uma sopa. Uma ótima pedida! Na nossa primeira visita pedimos um café e um mousse, a conta foi 4,00€. Na segunda tomamos a sopa, suco de laranja e café, saiu por 17,20€.

onde comer em Lisboa

A nossa favorita na zona mais central foi a S. Nicolau, bem na Augusta. Na verdade se chama Cafetaria S. Nicolau, mas segue o mesmo esquema das pastelarias. Tudo é muito gostoso, agora a nota 100 vai para o hamburguer que eles mesmos preparam, sem contar os sucos naturais. Está no burburinho da cidade, mas o preço é de periferia. Gastamos 10€ para dois super sanduiches, dois sucos naturais e um café, já contando a gorjeta.

cafetaria s. nicolau

cafes portugueses
Um pedaço do cardápio da Cafetaria S. Nicolau. No mundo das pastelarias, o mundo dos cafés e dos cafés com leites!

Estas são algumas, mas bem poucas, porque a cada passo te encontra uma pastelaria. Pequena e aconchegante, enorme e delumbrante, não importa. Entre em alguma sem nenhuma indicação, e passe a chamá-la “de sua”!

Conta prá nós, qual é a tua pastelaria do coração em Lisboa? Indica alguma comidinha em especial?

Leia também:
Dez razões para visitar Lisboa e arredores – Lista 10+
Mosteiro dos Jerônimos – Patrimônio Mundial da Humanidade
Lisboa com muita arte: Museu Gulbenkian
Comendo ao mais puro estilo português: bitoque em uma pastelaria
Dicas para visitar o Bairro de Belém – Lisboa
Pastéis de Belém – indescritivelmente bons!

fotos: turomaquia_2009

4 Comentários

  1. Deise

    Café Gelo – descendo a Av. Liberdade, entre a Restauradores e o Rossio, bem na esquina, – o Oscar vai para o pastel de bacalhau, que na verdade e um bolinho, crocante e levemente apimentado e, tb para o atendimento.

    responder
    • Patricia de Camargo

      Deise, que legal teu feedback ao vivo e a cores!
      beijos

      responder
  2. Deise

    Pois e Patricia, notícias em tempo real.rsrsrs Na Terça fomos ao Museu Gulbekian e na saída fomos ate a Pastelaria Ponto Azul, mas estava fechada por ser feriado aqui. Vamos ter que voltar a Lisboa.rsrsrs

    responder
    • Patricia de Camargo

      Deise, hehehe, ótimo, terão MESMO que voltar. E tua mãe está desfrutando???
      beijos

      responder

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Já viu o novo vídeo da Provence no YouTube - Patricia de Camargo? Estou chocada porque perguntei nos Stories quem tinha assistido o filme do Russell Crowe, “Um Bom Ano” e me senti muito velha 😂😂😂 70% não tinha assistido. E por que perguntei? Porque no novo vídeo aparecem cenários deste filme 😉

#provence #gordes #lugaresdecine #francelovers #russellcrowe
  • Vem “sextar” comigo junto à um dos cenários do filme do Russell 😉 “Um Bom Ano”. Onde? 👉🏽 No YouTube - Patricia de Camargo 😎

#provence #gordes #umbomano #cidadedecinema #francelovers
  • Uma das vistas possíveis de um atrativo mais amado por fora que por dentro, o Padrão dos Descobrimentos em #Lisboa 👉🏽 A entrada custa 6€. 💁🏽‍♀️ Combina com visita ao Mosteiro dos Jerônimo + Torre de Belém + lanche nos Pastéis de Belém e dependendo do horário, caminhada até o #Maat para ver o pôr do sol.

#roteirolisboa #lisboalovers #bairrobelem #padraodosdescobrimentos
  • “Traduzir uma pintura em uma fotografia era um desafio que queria alcançar. Queria respeitar a imagem e a sensação que produzem os mestres, mas necessitava dar uma volta conceitual que pudesse criar uma nova capa visual na imagem original”. 👀 Para saber mais sobre o fotógrafo Freddy Fabris que saltou à fama internacional com uma série de fotografias que ele intitulou: “Renaissance” veja o último post do www.turomaquia.com

#artecontemporanea #artistacontemporaneo #fotografiaartistica #freddyfabrisphotography
  • Por sol neste momento desde o escritório Turomaquia 🙏🏽 #sunset #sunsetlover #laspalmasdegc #grancanarialovers
  • Caminhando sobre uma reserva gigantesca de ocre no novo vídeo da road trip pela #Provence (Clique na bio ou visite o YouTube - Patricia de Camargo). Esta viagem foi genial e é difícil falar gostei mais disso ou daquilo, mas confesso que este dia foi muito especial 😉

#roadtripprovence #roussillon #sentierdesocres

Follow Me!