Guias de Viagem e Arte

 
 
fev 15 2007

Não estou louca, nem virei psico-autora, apenas tive vontade de me abrir ao mundo!(A Saga do Caminho 17)

Sahagún – Mansilla de las Mulas: 39,04 Km
Foi meio estranho dormir separada do Tom, mas passamos pela provação (hahahaha) e voltamos a caminhar juntos. Acho que algumas vezes foi penoso para o Tom caminhar comigo, ele é sumamente tranquilo, e eu bem, é meio chato dizer, mas estou mais para histérica gritona. Ele tem o mesmo humor sempre. É simplesmente fantástico e reconfortante saber que você vai acordar e olhar para a pessoa e ela estará da mesma maneira que quando te disse: Boa noite! E eu bem … deixemos isso prá lá …
Caminho de Santiago Francês Caminho de Santiago Francês

O caso é que ele é um anjo, e eu sou maravilhosa, mas com alguns pequenos probleminhas de fábrica. Os pais costumam dizer que o filho é hiper-ativo, às vezes é verdade, mas na maioria dos casos a criança é meio mimada e ansiosa, bem, vocês já me entenderam … Assim perdoem seus companheiros e companheiras, mas nem todo mundo está perfeitamente ajustado ao nosso mundo!

Este casal super estranho, mas que se dá de maravilha, algumas vezes caminhou com uma “chica” de bico, e o outro rindo, filmando o bico e tentando que a louca voltasse a si. Acho que já melhorei bastante, e meus pais não tem culpa de nada ( eu juro!), e cada dia com a idade avançando sinto que estou mais zen, meus amigos mesmo dizem que nem pareço eu mesma (bem, não sei se isso é um elogio ou …). Mas o caso é que venho desfrutando de cada dia, um pouco como os “AA” (com todo o respeito): “Viver um dia por vez”. Vocês devem estar pensando que estou louca, que estou fazendo neste relato, sei lá, é que estas coisas me estão saindo d´alma, e na verdade o caminho me ajudou ainda mais neste encontro com a felicidade serena, a felicidade que parece que vai acabar, mas nos sorri a cada dia.
Caminho de Santiago Francês

Eu tô muito feliz e queria dividir com você e te convidar a realizar este caminho, ou quem sabe de uma vez por toda desvendar o teu próprio caminho sem dizer: “Quando comece o ano, no próximo ano, na segunda-feira …” Tá te parecendo auto-ajuda barata, pois não é nada disso …

Neste dia andamos pela plana Castilla y León, com árvores que davam uma sombra deliciosa (por favor, vamos fazer algo contra o aquecimento global!), comemos coisas maravilhosas e claro, quando chegamos no albergue tivemos que nos contentar com dois colchões em um corredor.
Caminho de Santiago Francês Caminho de Santiago Francês

No começo tudo era uma festa, mas o pessoal (como eu já disse) não estão aparentados com santos, e fizeram festa até tarde. Então quando abriam a porta para entrar no edíficio anexo do albergue, o vento cortante entrava nestes vossos peregrinos.

Ao menos esta noite mal dormida me serviu para algo, descobri que não era lenda urbana que haviam peregrinos que saiam mais ou menos às três da manhã. Eu fui testemunha ocular de uma saída exatamente às 03:15 da manhã, UAU! Outra constatação do caminho: Realmente há louco prá tudo!
Caminho de Santiago Francês

Mas como dizia um autor que realmente agora neste momento não me lembro quem era, de manhã acordei e o céu continuava em cima da minha cabeça e super azul, assim se serve como consolo, passe o que passe o céu sempre estará aí, ao menos até que nós seres humanos super inteligentes acabemos com o planeta!

fotos: turomaquia_2006

4 Comentários

  1. silvia oliveira

    RESPONDI LÁ NO MEU BLOG E REPRODUZO AQUI:hahahaha, Pati! Só você mesmo! Pois eu participei de um carnaval nas Ilhas Canarias com VOCÊ em 2002… fomos até o fim, no enterro da sardinha… hahahaha. Acredita que não tenho uma foto que preste daquela ocasião. Se você lembrar de tirar umas fotos seja do carnaval (diurno ou noturno)ou do enterro mande para mim… com publicação autorizada no Matraqueando. Beijos e boa festa!

    responder
  2. Hanna Griebeler

    Lindo Pati, o importante é reconhecer e admirar quem temos ao nosso lado. Que “aguenta” nossas insanidades e ansiedades. hahaha bj

    responder
  3. Pedro (Viaje com Pedro)

    Oi Patrícia! Ótimo ler este post… Nas últimas semanas me veio à cabeça que pra melhorar essa fase que estou passando, talvez deveria percorrer o caminho de Santiago. Talvez o faça meio que na louca… Em quanto tempo você o percorreu? Você fez o caminho dos Pirineus? Abraço!

    responder
    • Patricia de Camargo

      Oi Pedro, fizemos em 28 dias, e começamos na França. No primeiro dia passamos pelos Pirineus. Só evite o inverno, porque há partes que ficam instransitáveis por causa da neve!
      Um abraço

      responder

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Depois de ver a série sobre Chernobyl na HBO, decidi comprar o livro da bielorussa e ganhadora do Nobel da Literatura, Svetlana Alexiévich. 🌟Madre mía, que livro. Para quem assistiu a mini série, a história do bombeiro e sua esposa é uma das que aparece nesse conjunto de entrevistas que pouco a pouco conformam diante de nossos olhos a história das pessoas invisíveis e muitas delas “desaparecidas” graças ao acidente de Chernobyl.

Essas vozes vão desenhando o que verdadeiramente aconteceu naquele 26 de abril de 1986 e nos meses subsequentes. E no fundo, vamos compreendendo como se forjou o caráter soviético resignado de entregar à própria vida ao Estado.

Entramos na vida de pessoas que de crianças sofreram com o Cerco a Leningrado (atual São Petersburgo) e que por ironia do destino hoje vivem na enorme área afetada pelo desastre. ➡️ Mas que vivem, sobrevivem vendo crianças que sucumbem aos mais diversos tipos de câncer, mulheres e homens que não podem ter filhos e um desalento que lhes leva a viver de glórias  e tempos passados. Porque além do desastre, das casas que deixaram, dos seres amados que perderam, também viram como seu mundo inteiro desabava com a quebra do bloco soviético.

A escrita de Svetlana é brilhante e como o outro livro que comentei “Pátria”, devia ser outra leitura obrigatória no Ensino Médio. Daqueles livros que fazem com que saímos da zona de conforto do nosso próprio umbigo, porque nos revela um sofrimento que dificilmente quaisquer de nós poderia suportar. Uma zona do mundo onde reina a desesperança. (Link da edição em português na bio)

#chernobyl #svetlanaalexievich #turolivros #oqueler  #vozesdetchernobil #desafioumlivropormês #books📚
  • Nem só do mosteiro vive Alcobaça. Dá uma olhada nas primeiras fotos 🤪 Preparei um guia completo para você desfrutar muito da cidade e do seu Patrimônio Mundial da Humanidade. Link na bio 👈🏽 #alcobaca #portugalovers #foodlovers #ondecomeremportugal #centrodeportugal #restauranteportugal #patrimoniomundialdelahumanidad
  • A Grécia 🇬🇷 nos faz felizes 💙 Qual lugar enche tua alma de felicidade, carrega tuas pilhas?

#greecelovers #grecia #creta #happymoment #travel_captures
  • Coisas que só a Grécia faz por você! Não é só o por do sol claro 🤪 É ver no mesmo dia sítios arqueológicos, praias de águas cristalinas com tumbas romanas, cidades históricas e restaurantes de beira de estrada incríveis. E terminar a jornada com este panorama 💙🧡 Tudo isso é mais você pode ver no post sobre nossas 24 horas de carro em Creta. O link está na bio 👀

Você conhece Creta? Qual é teu lugar favorito dessa ilha?

#creta #rethymnon #greecelovers❤️🇬🇷 #roteirodecarro #grecia
  • Diz se essa avenida não é linda!? Fica na entrada de Telde, que é uma cidade do lado da minha e é também onde se encontra o aeroporto da ilha. 
#grancanarialovers #telde #canaryislands🌴 #beautifulstreet
  • Uma das igrejas mais surpreendentes que eu já visitei ☀️ olha a foto do exterior para entender um pouco a minha surpresa! 🌎 Tem roteiro com mapa no Turomaquia.com para vc curtir a cidade que abriga está belezura. Aliás, esse é um dos bate e volta clássicos desde Milão. ❓Qual foi a igreja que vc visitou que mais te surpreendeu?

#barroco #roteiroitalia #italialovers #bergamo #milao

Follow Me!