Guias de Viagem e Arte

 
 
ago 02 2010

Bienvenue a Montreal – Welcome to Montreal

No ano passado, a Betina Abrão escreveu 2 textos para o Turomaquia. Ela acabava de imigrar para o Canadá, e todo mundo sabe que o período de adaptação e ajustes toma bastante tempo e paciência. Mas depois de um ano vivendo por terras canadenses ela está de volta. A cada 15 dias com uma coluna nova.

Bienvenue a Montreal
Welcome to Montreal

Quase um ano sem dar noticias (desculpa Pati pelo sumiço), mas agora estou de volta para dividir com vocês um pouco mais das minhas experiências como imigrante no Canadá. Dia cinco de Agosto já vai fazer dois anos que estou morando aqui. E cada dia que passa tenho mais certeza de que fiz a escolha certa. Eu já tinha feito algumas viagens antes, mas nunca tinha tido o sentimento de: acho que nesse lugar eu moraria para sempre. Agora eu tive. Faz uns três meses me mudei de Quebec para Montreal. Como estou trabalhando com fotografia, sabia que Montreal, a maior cidade da província de Quebec, teria muito mais a me oferecer. E é verdade. Estou apaixonada pela cidade, e para quem ainda não conhece, fica ai uma bela dica!

Enquanto na cidade de Quebec já estava totalmente acostumada com o domínio do francês, em Montreal já pude notar a diferença. A maioria da população possui como idioma materno o francês, mas ainda existe uma grande parte da população que é anglófona, e ainda muitos imigrantes que vem e acabam ‘’sobrevivendo’’ só com o inglês. Mas o ideal mesmo é falar as duas línguas.

Depois eu posso escrever um outro texto falando mais sobre essa influencia das duas línguas que é realmente muito interessante, mas hoje vou falar um pouco mais da vida cultural de Montreal, que é uma das coisas que mais me encantou nesse lugar!

Aqui é assim, começou a esquentar, não existe a opção ficar em casa. É sair todos os dias e aproveitar os festivais, os parques, os bares. As principais ruas perto dos festivais são fechadas e só podem passar pedestres.

Montreal é a cidade dos festivais no verão. Começa com o FrancoFolies de Montreal, festival que traz mais de 1.000 artistas francófonos do mundo inteiro. Os festivais são realizados na Praça das Artes, onde são montados vários palcos. É legal porque há espetáculos de artistas locais que estão começando, outros bem famosos e novidades de outros lugares. Conheci vários artistas maravilhosos.

Festival em Montreal


Logo após o FrancoFolies, começa o principal festival da cidade: o Festival de Jazz de Montreal. É conhecido como o maior festival de jazz do mundo, com mais de 3.000 artistas do mundo todo. E mais uma vez a cidade está em festa, e dessa vez em clima total de jazz! Ruas fechadas, muitos, mas muitos turistas, bares lotados, música por todos os lados durante 10 dias! Eu não conheço muito (quase nada) sobre jazz, mas agora posso entender porque tantas pessoas são apaixonadas…a musica é muito boa! Este prédio que aparece na foto fica no local do festival, nele se projetam em cada janela fotos de nomes famosos que já passaram pelo festival, como Ray Charles e Aretha Franklin. Reconhecem alguém?? Um brasileiro? Sim! É o Tom Jobim, que tocou no festival em 1986!

Festival em Montreal
Festival em Montreal
Festival em Montreal

Apos o Festival de Jazz é a vez do Festival ‘’Juste Pour Rire’’, festival de comédia. Diferente dos outros dois festivais, nesse a maioria dos shows são pagos, pois são em teatros com artistas de ‘’stand up comedy’’. Mas ainda assim a programação nas ruas continua intensa.  Esse festival dura quase um mês, e ao mesmo tempo também acontece o Festival Internacional ‘’Nuits d’Afrique’’  e o Festival Internacional de Percussão Espanhola. Meu Deus…é muita opção hein?? Não tem mesmo como não aproveitar 100% o verão.

Agora vem a minha parte favorita! Quando começa a esquentar, todos os domingos no parque Mont Royal, principal parque da cidade, acontece o Tam Tam Jam. O parque fica lotado e acontece um verdadeiro show de batuque, maravilhoso. Aqueles que tocam tam tam levam seus instrumentos, e o clima é indescritível. Tem gente de todos os tipos, famílias com crianças pequenas, velhos, jovens, tudo que você imaginar. É uma energia muito boa.

Festival em Montreal
Festival em Montreal
Festival em Montreal

O que eu mais gosto de tudo isso é que, eu olho para trás e vejo o quanto eu já absorvi de novo. O quanto eu já aprendi sobre novas culturas e sobre as pessoas. E me sinto alguém melhor por isso, sinto que estou fazendo algo da minha vida. O fato de acordar todos os dias e saber que eu não vou estar falando a minha língua, e que pelo meu caminho vou encontrar pessoas completamente diferentes de mim, com uma cultura
totalmente diferente da minha, isso me traz uma alegria enorme de viver. E espero viver assim por um bom tempo!

Texto e fotos: Betina Abrão

Posts relacionados e para conhecer melhor a Betina:
Quebec por Betina Abrão
Imigrando ao Canadá

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Dica Madri: como prometi hoje lhes deixo a dica de um hotel econômico na cidade. Queria fazer um vídeo como o de Londres, mas acontece que perdi várias imagens dessa última viagem, só me sobrou essa foto de "look do dia" no quarto 😂⁣
⁣
Peguei umas fotos de divulgação, mas lhes comento que são de quartos duplos, o meu era individual e era bem menor. Mas tinha janela para o pátio interno do hotel, mas por exemplo não havia porta do quarto para o banheiro. Em contrapartida era ótimo porque tinha ducha efeito chuva, cafeteira e cápsulas de café, madalenas de cortesia, ar-condicionado, pisos e madeira, televisão, espaço para trabalhar, mas tudo isso bem condensado 😉⁣
⁣
O hotel está num edifício antigo mas com elevador ao lado do Museu do Romanticismo, ou seja, a localização é fantástica! Duas paradas de metrô estão próximas: Alonso Martínez e Tribunal.⁣
⁣
👁‍🗨 Para ver mais fotos e outras opiniões, clique no link da bio 🤟🏽⁣
⁣
#hotelMadri #madrilovers #hotelBBBEuropa #hotelBBB #hotelemMadri #turoMadri
  • Dica Londres: caminhada recomendada inclusive para sedentários 😂 1,3 km entre o Southbank Centre a Tate Modern junto às margens do rio. Essas imagens são de janeiro, imagina num dia lindo de sol e com um calorzinho?!⁣
⁣
Almocei com a @helorighetto no Ping Pong do Southbank e de lá fui sozinha demoradamente até essa meca da arte moderna e contemporânea. lembrando que a entrada no museu é gratuita, exceto para as exposições temporárias. Mas sempre sugiro uma doação por mínima que seja, já que a união faz a força e manter um centro de arte como esse é caro prá dedéu.⁣
⁣
E aí, qual é tua caminhada favorita em Londres? É apta para todas as idades? Conta prá mim na caixa de comentários 😘⁣
⁣
#londonlovers #caminhadaLondres #oquefazeremLondres #turoLondres #mapadelondres
  • Paguei 60 libras a diária nesse hotel localizado do lado da Abadia de Westminster #londonlovers #hotelbbblondon #hotellondres
  • Publiquei a última parte do guia de leitura desse mês. Lembre que nosso bate-papo sobre ele vai rolar no dia 27 de fevereiro às 19:30 horas no YouTube - Patricia de Camargo. Ah, é o guia vc encontra no www.turomaquia.com 🤓

#lendoarte #seurat #nationalgalleryoflondon #pontilhismo #historiadaarte #artemoderna #issoearte
  • Sentados no chão do café da Galeria degli Uffizi tomando um aperol spritz após a visita. E você acha que a gente tá com cara de infeliz?! 😂😂 Esse é um baita museu, mas que tem um café minúsculo, então não tivemos muita alternativa e estávamos mortos depois de 6 horas entre obras 🤷🏽‍♀️ Qual foi o café ou restaurante que você mais curtiu dentro de um museu?

#galeriadegliuffizi #firenzelovers #artmuseum #museu #italyart
  • Mostro pouco minha cidade por aqui. Mas uma das minhas resoluções de ano novo é resolver essa pendência 🥳 
#laspalmasdegrancanaria #vegueta #grancanarialovers🖤 #canaryislands

Follow Me!