Guias de Viagem e Arte

 
 
nov 14 2012

Dando uma de James Cook na Nova Zelândia

Dando uma de James Cook na Nova Zelândia
Depois de um tempo pelo hostel, conhecendo o pessoal e aproveitando as praias próximas do Flying Nun, voltamos aos mapas. Começamos a explorar a região de Gisborne, também conhecida como Eastland. O primeiro atrativo que chamou a atenção foi o farol East Cape, local mais a leste do país e provavelmente o farol mais a leste do mundo.

Pegamos a estrada, cheia de curvas, e sobe e desce, o que deixa a média de velocidade bem baixa. Mas as várias enseadas e praias no caminho, tornam a viagem muito agradável. Quando nos aproximamos do farol, a estrada deixa de ser asfaltada, e passa a ser de pedras.
Dando uma de James Cook na Nova Zelândia

Eastland - Gisborne - Nova Zelândia

Recorro ao guia para saber melhor a história do farol. Primeiramente foi instalado na ilha em frente da praia do East Cape, toda construção foi levada, por navios guinchos, em meados de 1889. Infelizmente 4 trabalhadores morreram durante as obras e foram enterrados na própria ilha, a qual era conhecida pelos maori como Whangaokeno ou o Motu Kaiawa e estava localizada cerca de 2 km da costa.
Eastland - Gisborne - Nova Zelândia
Eastland - Gisborne - Nova Zelândia

Em 1922, por decisão do governo, o farol foi removido para a costa, onde está até hoje. Esse local também é conhecido como a região por onde chegou a expedição de Thomas James Cook ao país vindo da Europa (ele foi o primeiro a mapear a Nova Zelândia, e não foi o Thomas, que na real foi o primeiro “agente de viagens” do mundo).
Eastland - Gisborne - Nova Zelândia Eastland - Gisborne - Nova Zelândia

A parte leste, é conhecida como área Maori, parte da população fala o idioma diariamente nas ruas. Tínhamos escutado muitas histórias de que os maoris eram agressivos, mas tudo isso não passa de intimidação pelo tamanho fisico desse povo. Uma primeira conversa, e se vai por terra esta “lenda urbana”.Não tivemos o menor problema no convívio. Alguns falam que a tal tranqüilidade maori só é quebrada, se suas terras e tradições forem ofendidas.

Chegando no pé do farol, deixamos o carro e começamos a caminhada, junto conosco um pouco a frente subia um casal maori, apressamos o passo, chegamos até o casal e puxamos papo, sobre a região e os costumes locais. A conversa foi muito amistosa, no topo paramos para admirar a vista e bater algumas fotos, mais uma vez os maoris desfizeram a fama.
Eastland - Gisborne - Nova Zelândia

Descemos para o pé do farol e vale uma ressalva, para chegar até o East Cape, é necessário programar-se, pois a região não tem posto de gasolina e nem lugar para comer. Mas se precisar ir ao banheiro, tem dois adaptados em um conteiner, exatamente no último espaço do ponto mais leste do país. O Anão quis tirar fotos no banheiro inusitado, no entanto, o entusiasmo de ir no banheiro num ponto tão extremo do mundo, não deixaram ele ver que estava no banheiro errado….hehehehe
Eastland - Gisborne - Nova Zelândia

Posts relacionados:
Gisborne – a sucursal do paraíso
Esportes radicais na Nova Zelândia – Sledging
rapel + escalada + rafting + trekking {tudo numa caverna } = Aventura na Nova Zelândia

texto, fotos e argumento: Daniel Portella

3 Comentários

  1. Mileni Portella

    Adoro locais com farol!!!

    Quem sabe um dia não visito este aí do post…

    Belo texto.

    Parabéns…

    responder
    • Daniel Portella

      Posso Ir de guia, te levo lá com prazer e faço um preço camarada 😀
      Valeu os elogios jornalista…

      responder
  2. Isabel - Simplesmente Berlim

    Nossa as fotos estao lindas (a primeira entao!!). E que viagem, Nova Zelandia é um dos meus sonhos de consumo 🙂

    responder

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Já viu o novo vídeo da Provence no YouTube - Patricia de Camargo? Estou chocada porque perguntei nos Stories quem tinha assistido o filme do Russell Crowe, “Um Bom Ano” e me senti muito velha 😂😂😂 70% não tinha assistido. E por que perguntei? Porque no novo vídeo aparecem cenários deste filme 😉

#provence #gordes #lugaresdecine #francelovers #russellcrowe
  • Vem “sextar” comigo junto à um dos cenários do filme do Russell 😉 “Um Bom Ano”. Onde? 👉🏽 No YouTube - Patricia de Camargo 😎

#provence #gordes #umbomano #cidadedecinema #francelovers
  • Uma das vistas possíveis de um atrativo mais amado por fora que por dentro, o Padrão dos Descobrimentos em #Lisboa 👉🏽 A entrada custa 6€. 💁🏽‍♀️ Combina com visita ao Mosteiro dos Jerônimo + Torre de Belém + lanche nos Pastéis de Belém e dependendo do horário, caminhada até o #Maat para ver o pôr do sol.

#roteirolisboa #lisboalovers #bairrobelem #padraodosdescobrimentos
  • “Traduzir uma pintura em uma fotografia era um desafio que queria alcançar. Queria respeitar a imagem e a sensação que produzem os mestres, mas necessitava dar uma volta conceitual que pudesse criar uma nova capa visual na imagem original”. 👀 Para saber mais sobre o fotógrafo Freddy Fabris que saltou à fama internacional com uma série de fotografias que ele intitulou: “Renaissance” veja o último post do www.turomaquia.com

#artecontemporanea #artistacontemporaneo #fotografiaartistica #freddyfabrisphotography
  • Por sol neste momento desde o escritório Turomaquia 🙏🏽 #sunset #sunsetlover #laspalmasdegc #grancanarialovers
  • Caminhando sobre uma reserva gigantesca de ocre no novo vídeo da road trip pela #Provence (Clique na bio ou visite o YouTube - Patricia de Camargo). Esta viagem foi genial e é difícil falar gostei mais disso ou daquilo, mas confesso que este dia foi muito especial 😉

#roadtripprovence #roussillon #sentierdesocres

Follow Me!